Acessar o conteúdo principal
Angola

Angola terá mandado deter Agostinho Chicaia

Agostinho Chicaia, ex-presidente da extinta Associação Cívica de Cabinda Mpalabanda
Agostinho Chicaia, ex-presidente da extinta Associação Cívica de Cabinda Mpalabanda www.mpalabanda.net

Agostinho Chicaia foi detido segunda-feira em Kinshasa, no Aeroporto Internacional de Ndjili. De acordo com Raul Danda, deputado da UNITA, o Governo angolano está na base da detenção do ex-presidente da extinta Associação Cívica de Cabinda Mpalabanda.

Publicidade

A detenção do activista Agostinho Chicaia verificou-se, esta segunda-feira, quando se preparava para viajar para Harare, no Zimbabué. Tratava-se de uma deslocação de trabalho, na qualidade de coordenador do Projecto Transfronteiriço do Mayombe, do Programa das Nações Unidas para o Ambiente e da União Internacional para a Conversação da Natureza.

Segundo o deputado da UNITA, Raul Danda, de origem Cabinda, a detenção do activista teve lugar no Aeroporto Internacional de Ndjili, em Kinshasa, pelas autoridades migratórias da República Democrática do Congo a pedido de Angola.

Raul Danda afirmou desconhecer os motivos da detenção e acrescentou, ainda, que Agostinho Chicaia se encontra detido na cadeia de Kin Masière, em Kinshasa, onde normalmente ficam detidos os prisioneiros de consciência.

Raul Danda, deputado da UNITA

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.