Acessar o conteúdo principal
Angola / Suíça

Chefe da diplomacia angolana em visita na Suíça

O ministro angolano das Relações Exteriores, Georges Chicoty.
O ministro angolano das Relações Exteriores, Georges Chicoty. DR

O ministro angolano das relações exteriores Georges Chicoty efectuou desde ontem uma visita de dois dias na Suíça, uma deslocação cujo objectivo era reforçar os laços entre os dois países, o chefe da diplomacia angolana tendo-se reunido hoje em Berna com o seu homólogo suíço.  

Publicidade

Em cima da mesa esteve designadamente o reforço das relações bilaterais, tendo sido igualmente abordadas questões mais gerais, como o drama da emigração clandestina no Mediterrâneo, sobre a qual Angola, actualmente membro não-permanente do Conselho de Segurança da ONU, virá a pronunciar-se. Nesta perspectiva, em entrevista com o nosso correspondente na Suíça, Rui Martins, o chefe da diplomacia angolana considerou que os dramas da emigração ilegal devem objecto de uma abordagem comum entre africanos e europeus.

No entender de Georges Chicoty, ministro angolano das relações exteriores, a estratégia proposta pela União Europeia para fazer frente à crise da emigração clandestina no Mediterrâneo não vai permitir dar uma resposta global às causas das vagas migratórias do norte de África rumo à Europa.

 

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.