Acessar o conteúdo principal
Moçambique

Renamo anuncia a criação da primeira comissão de Paz, Democracia e Desenvolvimento

Afonso Dhlakama, líder da Renamo
Afonso Dhlakama, líder da Renamo Cristiana Soares

Apesar da assinatura na semana passada do acordo entre a Renamo e o governo sobre a despartidarização da função pública, ambas as partes continuaram ontem de costas voltadas numa nova ronda negocial em que não se chegou a nenhum consenso quanto à desmilitarização das forças residuais do principal partido de oposição.

Publicidade

Foi neste contexto ainda difícil que o líder da Renamo anunciou a criação da primeira comissão de paz, democracia e desenvolvimento, um órgão que numa primeira fase deveria funcionar na cidade da Beira, o seu objectivo sendo de criar bases para uma paz duradoura no país. Mais pormenores com Orfeu Lisboa.

De referir ainda que hoje a Renamo declarou-se confiante de que a nova versão do projecto que pretende submeter novamente ao parlamento para a criação de autarquias provinciais autónomas "vai chegar a bom porto", embora a primeira versão tenha sido chumbada recentemente pela maioria parlamentar da Frelimo.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.