Acessar o conteúdo principal
Eleições/Brasil

Em Nova York, eleitores se inspiram no Dia das Bruxas para votar

Eleitora vestida de bruxa vota no Consulado brasileiro em Nova York
Eleitora vestida de bruxa vota no Consulado brasileiro em Nova York Cleide Klock/RFI

A votação, que ainda não acabou, ocorre sem maiores incidentes. Muitos brasileiros aproveitaram o Halloween para tirar a fantasia do armário

Publicidade

Cleide Klock, correspondente da RFI em Nova York

No maior colégio eleitoral de brasileiros no exterior, que fica em Nova York, as votações ocorrem sem maiores incidentes. São 54 seções onde devem votar 21.076 eleitores registrados em Nova York, Nova Jersey, Filadélfia e Ilhas Bermudas. E alguns brasileiros aproveitaram que 31 de outubro é Halloween para vir fantasiados às urnas. Uma família veio inteira em trajes gauchescos, outro eleitor veio vestido de mineiro chileno. A Alice – do País das Maravilhas, marinheiros e pilotos, também marcaram presença.

Muitas crianças que acompanharam os país vieram de super-heróis – segundo eles, é assim que tem que ser um presidente. Nina Santos, que mora há 18 anos nos EUA, também veio fantasiada – apesar de estar com roupa de bruxa, toda de preto – colocou uma faixa presidencial e um boné do Brasil. “Uni tudo: Halloween com o Brasil. Votei por ser patriota, brasileira”, diz.

No primeiro turno, 8809 pessoas votaram, o que representa 42% do eleitorado registrado. Mas diferentemente  da votação do dia 3 de outubro, marcada por filas intermináveis, os eleitores tiveram que esperar para votar apenas na abertura do Consulado. No restante do dia, não teve fila, mas o fluxo foi contínuo.

O Cônsul do Brasil em Nova York, Osmar Chohfi, avalia como está este domingo, de segundo turno. “Estamos tendo um bom fluxo de pessoas, mas a votação está sendo rápida, dura menos de cinco minutos, é domingo, mas também é um dia festivo aqui nos Estados Unidos. Também há muitas pessoas que não podem votar porque trabalham no fim-de-semana.

Portugal

Em Lisboa, a candidata Dilma Roussef obteve 58% dos votos, como no primeiro turno. José Serra, do PSDB, obteve 42,%. das preferências.  O mesmo resultado foi confirmado na cidade do Porto. Um total de 4.300 eleitores compareceu às urnas. Em Porto, o número de eleitores chegou a 3.600 Mas vale lembrar que a participação foi de apenas 30% do eleitorado com direito a voto.

Lisboa é o segundo maior colégio eleitoral no exterior com 12.300 eleitores. A abstenção, segundo as autoridades consulares, se explica pelo fato de muitos deles viverem em regiões distantes de Portugal. como a Madeira e Açores.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.