Acessar o conteúdo principal
Québec/Canadá/Eleições

Pesquisas indicam vitória dos separatistas nas eleições do Québec

Pauline Marois durante campanha eleitoral em Quebec, no Canadá.
Pauline Marois durante campanha eleitoral em Quebec, no Canadá. REUTERS/Christinne Muschi

Os separatistas do Québec são os favoritos nas eleições legislativas que acontecem nesta terça-feira na província francófona do Canadá. Eles devem obter a maioria na Assembleia e voltar ao poder depois de dez anos na oposição.

Publicidade

Os quase seis milhões de eleitores do Québec votam para escolher os 125 deputados da província. A campanha eleitoral foi marcada por um desejo de mudança e as pesquisas indicam a vitória dos separatistas do Partido Quebequense (PQ). Segundo a última sondagem publicada no domingo, os separatistas têm o apoio de 33% dos eleitores. Em segundo lugar, está a Coalizão Futuro Québec (CAQ), de centro-direita, com 28% das intenções de voto e em último lugar o Partido Liberal (PLQ) do primeiro-ministro Jean Charest, com 27%. Se a vitória se confirmar, a líder dos separatistas, Pauline Marois, será a primeira mulher a dirigir a província francófona do Canadá.

A derrota do Partido Liberal, após nove anos no poder, se deve a suspeitas de corrupção e a um movimento estudantil e social sem precedentes que agitou o Québec no primeiro semestre. Quando dirigiram a província, nos anos 80 e 90, os separatistas convocaram dois plebiscitos sobre a independência do Québec. Por enquanto, a líder Pauline Marois não revelou se convocará uma nova consulta para evitar perder votos. De acordo com pesquisas recentes, apenas um terço dos quebequenses são favoráveis a independência da província do Canadá.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.