Acessar o conteúdo principal
Estados Unidos

Soldado mata 3 colegas em base militar no Texas antes de se suicidar

Entrada da base militar de Fort Hood, no estado do Texas, que foi palco de um tiroteio.
Entrada da base militar de Fort Hood, no estado do Texas, que foi palco de um tiroteio. REUTERS/Austin American-Statesman/Deborah Cannon

Um novo tiroteio nesta quarta-feira (2) em uma base militar de Fort Hood, no estado americano do Texas, deixou três mortos e 16 feridos, sendo quatro em estado grave. Todas as vítimas são militares. O atirador, um soldado americano que serviu no Iraque em 2011, suicidou-se após atingir os colegas. Ele sofria de "problemas mentais", segundo sua hierarquia.

Publicidade

O atirador estava sendo tratado por uma depressão, informou o general Mark Milley, comandante da base texana, durante uma entrevista coletiva. A identidade do soldado não foi revelada. Ele trabalhava na base desde fevereiro, era casado e entrou ilegalmente com a arma do crime no local. O general Milley descartou, por enquanto, que o episódio tenha alguma relação com o terrorismo.

A base militar de Fort Hood foi palco de uma tragédia semelhante, em 2009, que deixou 13 mortos.

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.