Acessar o conteúdo principal
México/ El Chapo

Mais de 10 mil policiais trabalham nas buscas a El Chapo no México

México intensifica as buscas pelo maior narcotraficante do país, Joaquín Guzmán, também conhecido como "El Chapo".
México intensifica as buscas pelo maior narcotraficante do país, Joaquín Guzmán, também conhecido como "El Chapo". REUTERS/Alan Ortega

O Ministério do Interior do México anunciou nesta quinta-feira (16) que mais de dez mil policiais estão mobilizados na busca ao traficante Joaquín Guzmán, conhecido como El Chapo. O líder do poderoso cartel de drogas de Sinaloa escapou no sábado de uma penitenciária mexicana de segurança máxima por um túnel de 1.500 metros de comprimento.

Publicidade

As forças de segurança mexicanas estão rastreando hotéis, hospitais e funerárias para tentar encontrar Guzmán, em sua segunda fuga da prisão. No total, 1.250 policiais federais foram mobilizados em unidades especiais de busca nos arredores da prisão El Altiplano, situada a 90 quilômetros a oeste da capital mexicana. Cerca de 8,2 mil policiais federais também estão em alerta máximo em todo o país.

Além disso, foram instalados 101 postos de controle nas principais estradas de 21 dos 31 estados e da capital. Mais de 100 mil folhetos com fotografias recentes de Guzmán, de 58 anos, estão sendo distribuídos no país.

Todos os aeroportos também estão em alerta "para a análise de todos os voos privados e rigorosa revista de passageiros", informou o Ministério do Interior em um comunicado. A segurança também foi reforçada na fronteira do México com a Guatemala.

Segunda fuga

Guzmán chegou a ser o criminoso mais procurado no México e dos Estados Unidos. Ele foi detido pela primeira vez em 9 de junho de 1993, na Guatemala, mas escapou de outra prisão de segurança máxima no oeste do México, em 2001.

O chefe do tráfico foi recapturado em fevereiro de 2014, mas conseguiu fugir no sábado através de um túnel de 1,5 quilômetro de comprimento, escavado a partir de sua cela. O caso está sendo considerado como uma grande humilhação para o governo de Enrique Peña Nieto.

No sofisticado túnel, havia ventilação e iluminação. As autoridades também encontraram uma motocicleta adaptada sobre trilhos, que teria servido para transportar as ferramentas e máquinas necessárias para as obras de escavação, assim como para retirar a terra.

A passagem, na qual também foram encontrados instrumentos de construção, tanques de oxigênio e recipientes com combustível, desemboca em um imóvel ainda em construção ao sudoeste da penitenciária.

EUA oferecem ajuda

Os Estados Unidos ofereceram ajuda para ajudar nas buscas. O embaixador americano no México, Anthony Wayne, disse, por meio de um comunicado, que diversas agências de justiça de seu país "estão prontas para colaborar e trocar informação com autoridades mexicanas" para recapturar El Chapo". O traficante também tem acusações penais pendentes nos Estados Unidos.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.