Acessar o conteúdo principal
Américas

Trump cancela comício por briga entre eleitores e manifestantes

Trump: discursos racistas aumentam a tensão nos EUA.
Trump: discursos racistas aumentam a tensão nos EUA. REUTERS/Joe Skipper

Um comício do pré-candidato às eleições presidenciais norte-americanas Donald Trump foi cancelado ontem, no último minuto, por causa de uma briga entre seus eleitores e um grupo de manifestantes.

Publicidade

Um outro comício, algumas horas antes, em Saint Louis, no estado do Missouri, já havia sofrido várias interrupções provocadas por manifestantes. Na confusão, 32 pessoas chegaram a ser detidas pela polícia.

Em Chicago, a cena se repetiu com os opositores protestando contra as tiradas racistas e xenófobas do pré-candidato republicano. Desde a sua chegada à cidade, Trump já havia se reunido com a polícia de Chicago, prevendo as manifestações. Durante todo o dia, centenas de manifestantes se concentraram do lado de fora da arena esportiva da Universidade de Illinois, antecipadamente a chegada de Trump.

Depois que um grupo de pessoas conseguiu entrar na arena, desafiando os eleitores republicanos, a polícia de Chicago precisou intervir, prendendo várias pessoas.

O comitê de campanha do pré-candidato decidiu, então, cancelar o comício por razões de segurança.

Os manifestantes deixaram o local brandindo cartazes em que se liam frases como : “Trump = Ódio”, “Trump é um palhaço” ou “A vida dos negros conta”.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.