Acessar o conteúdo principal
Papa/Argentina

Papa rejeita doação milionária da Argentina

Papa recebeu Macri no Vaticano em fevereiro.
Papa recebeu Macri no Vaticano em fevereiro. REUTERS/Claudio Onorati/poolP

A rejeição do papa Francisco de uma doação milionária do governo argentino abriu uma nova frente de discórdia entre o Vaticano e o presidente Mauricio Macri, no momento em que se percebiam sinais de aproximação em uma relação que nunca foi amistosa.

Publicidade

A rede mundial Scholas Occorrentes, promovida pelo papa para a inclusão educativa e a paz, rejeitou a doação e buscará "obter o aporte necessário de maneira imediata por meio dos organismos multilaterais de crédito e da ajuda de privados", informou em uma carta com data de 9 de junho e dirigida ao chefe de Gabinete, Marcos Peña

Macri havia ordenado por decreto a doação de 16,666 milhões de pesos (equivalente a mais de R$ 4 milhões) para pagar os gastos da sede local da rede mundial educativa.

Gesto de Macri foi considerado “piada de mau gosto”

A cifra '666' o número da besta que faz referência a satanás, foi considerada uma "piada de mau gosto" em âmbitos religiosos, afirma o jornal Vatican Insider, que cita a "perplexidade do papa" com a doação "imprevista". A mesma publicação afirma que "a quantia foi considerada excessiva em tempos em que seu país (Argentina) enfrenta uma delicada situação econômica".

A rejeição representa um novo distanciamento entre o pontífice e o presidente argentino de centro-direita, que assumiu o governo no dia 10 de dezembro. O papa recebeu Macri em uma audiência no fim de fevereiro em um encontro sério e formal, de apenas 22 minutos, que foi considerado uma demonstração de frieza entre o religioso e o compatriota presidente.

Macri assumiu a presidência com a promessa de alcançar a 'pobreza zero'. Mas nos três primeiros meses de governo, 1,4 milhão de argentinos a mais caíram na pobreza, que afeta 34% da população de 40 milhões de pessoas, segundo um estudo da Universidade Católica de Buenos Aires.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.