Acessar o conteúdo principal
Brasil/ Turismo

Com salão em Paris, Embratur procura vender Copa para franceses

Embratur

O Top Résa, salão que acontece esta semana em Paris, tenta impulsionar turismo francês no Brasil durante a Copa do Mundo. A expectativa da Embratur, que divide estandes com países do mundo inteiro, é que o país receba mais de 600 mil franceses durante os jogos. 

Publicidade

Com a colaboração de Mélanie Nunes para Rádio França Internacional

Marco Lomento, diretor de produtos e destinos para Embratur, afirma que a organização não é tão fácil em um pais de dimensões continentais como o Brasil :

Ele também confirma a vontade de desenvolver novos destinos turísticos no país, principalmente no Nordeste e no Centroeste. Mais de 79 mil novas camas serão instaladas nos hotéis das doze cidades que sediarão jogos da Copa.

 

A França é um mercado-chave para a Embratur. Pesquisa publicada pela empresa aponta que 94,3% dos turistas franceses que já visitaram o país desejam voltar.. Só em 2012, quase 219 mil deles estiveram no Brasil. Com base nesses números, a Embratur vê na França o maior mercado potencial para o turismo durante a Copa.

O salão dura até 28 de setembro, na Porta de Versailles, em Paris.

 

{{ scope.counterText }}
{{ scope.legend }}© {{ scope.credits }}
{{ scope.counterText }}

{{ scope.legend }}

© {{ scope.credits }}

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.