Acessar o conteúdo principal
Futebol/Brasil

Equipe médica diz que estado de saúde de Pelé melhorou

A imprensa francesa acompanha passo a passo a hospitalização de Pelé, em São Paulo.
A imprensa francesa acompanha passo a passo a hospitalização de Pelé, em São Paulo. REUTERS/Tyrone Siu/Files

O estado de saúde do rei do futebol "melhorou", segundo o próprio Pelé afirmou em um tuíte aos fãs do mundo todo. A equipe médica que atende o ex-jogador no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, transferiu Pelé para a UTI porque seu estado de saúde apresenta "instabilidade clínica", mas o quadro "melhorou" nas últimas horas.

Publicidade

Em um comunicado publicado na noite desta quinta-feira, a equipe médica afirma que Pelé teve uma melhora de sua condição clínica e vai continuar seu tratamento na unidade de terapia intensiva. Nas redes sociais, Pelé fez questão de tranquilizar seus fãs.

Pelo Twitter ele escreveu: "Estou bem [...] graças a Deus não é nada grave." Na mensagem, ele diz estar ansioso para passar as festas de final de ano com a família e garante que "vai começar o Ano Novo com saúde renovada para fazer muitas viagens já programadas".

A mesma mensagem foi transmitida pelo Facebook, na qual Pelé contradiz seus médicos dizendo ter sido encaminhado a um quarto especial e não a um centro de terapia intensiva. Pelé agradeceu seus seguidores e diz ser "abençoado por receber tanto apoio e carinho".

Esta é segunda vez em 15 dias que o rei Pelé é internado no mesmo hospital. No dia 13 de novembro, ele foi operado para extrair vários cálculos renais, ureterais e vesicais, tendo alta dois dias mais tarde. Em exames de rotina no período pós-operatório, ele apresentou um quadro de infecção urinária que exigiu nova hospitalização. Pelé foi medicado com antibióticos por via endovenosa, mas apresentando uma infecção persistente, os médicos decidiram colocá-lo sob diálise, tratamento para filtrar as impurezas do sangue quando os rins não estão funcionando bem.

Veja a nota oficial do Hospital Israelita Albert Einstein:

"O paciente Edson Arantes do Nascimento (Pelé) apresenta melhora de sua condição clínica e seguirá sob cuidados na unidade de terapia intensiva. Agora está temporariamente em tratamento de suporte renal, sem necessidade de outras terapias de suporte."

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.