Acessar o conteúdo principal
RFI Convida

Projeto gaúcho junta street art, documentário e questão indígena

Áudio 07:36
Da equerda para direita: Xadalu, artista urbano, Tiago Bortolini e Ariel Ortega, documentaristas.
Da equerda para direita: Xadalu, artista urbano, Tiago Bortolini e Ariel Ortega, documentaristas. RFI

Os artistas gaúchos Ariel Ortega, Xadalu e Tiago Bortolini passaram por Paris para filmar mais uma etapa de um projeto que lida com documentário, intervenção urbana e questão indígena. Eles falaram a respeito em debate no Instituto de Altos Estudos da América Latina (IHEAL) e aqui na RFI Brasil.

Publicidade

Ariel Ortega, da etnia guarani, vive em São Miguel das Missões (RS) e descobriu o documentário através da associação Vídeo nas Aldeias. Ele é autor de vários vídeos, entre eles, “Bicicletas de Nhanderú” (2011).

Ex-gari, Xadalu é artista urbano. Ativista, ele espalha seus cartazes com a frase “Atenção, território indígena” e stickers gigantes de fotos e desenhos de índios. Ele acaba de lançar o livro “Xadalu, Movimento Urbano”.

Quem filma a colaboração e intercâmbio entre meio urbano e indígena é Tiago Bortolini, autor de documentários sobre o trabalho artístico de Xadalu, como "Sticker Connection".

Veja o vídeo com a entrevista completa:

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.