Acessar o conteúdo principal
Economia

Após escândalo com carne de cavalo, setor de congelados acumula prejuízos

Áudio 04:23
Consumidores sentiram-se enganados após o escândalo da carne de cavalo.
Consumidores sentiram-se enganados após o escândalo da carne de cavalo. REUTERS/Luke MacGregor

Um dos pilares do negócio, a confiança, parece ter se rompido entre os fabricantes franceses de pratos prontos à base de carne e os consumidores franceses. Nesta semana, mais uma pesquisa comprovou a queda de 47% nas vendas de produtos congelados com carne bovina, depois do escândalo das lasanhas misturadas com carne de cavalo.

Publicidade

Para as fabricantes e revendedoras, o prejuízo estimado até agora é de pelo menos 3,3 milhões de euros, mas este estrago poderá ainda ser muito pior a longo prazo. Conforme a pesquisa da Nielsen, 39% dos franceses pretendem nunca mais comprar produtos congelados que contenham carne. E os efeitos do chamado "horsegate" se espalham para todo o setor, afetando os pratos prontos frescos ou em conserva.

Sébastien Monard, analista de consumo e distribuição da consultoria que realizou o estudo, e Fernanda Bollinger, especialista em marketing e confiança do cliente de uma grande empresa francesa, comentam a situação e as estratégias para retomar a confiança dos consumidores.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.