Acessar o conteúdo principal
Futebol/França

PSG brilha no campeonato francês e Lucas não aproveita embalo

O brasileiro Lucas, do Paris St Germain, cercado por jogadores do Olympique de Lyon em jogo pela Liga 1 francesa, no estádio Parque dos Príncipes, neste domingo, 1° de dezembro de 2013.
O brasileiro Lucas, do Paris St Germain, cercado por jogadores do Olympique de Lyon em jogo pela Liga 1 francesa, no estádio Parque dos Príncipes, neste domingo, 1° de dezembro de 2013. REUTERS/Gonzalo Fuentes

O Paris Saint-Germain venceu o Lyon na noite deste domingo no jogo de encerramento da rodada do campeonato francês. A goleada de 4 a 0 confirma a liderança absoluta na tabela e amplia a invencibilidade de 36 jogos sem derrota, somando as competições nacionais e a Liga dos Campeões. Apesar do resultado e da boa fase da equipe, o atacante Luas Moura foi apontado como o destaque negativo por não ter aproveitado mais uma oportunidade em campo.

Publicidade

Diante do calendário apertado do final de ano, com uma média de 1 jogo a cada 3 dias, o treinador Laurent Blanc fez várias modificações na equipe titular para poupar fisicamente os jogadores e garantir o entrosamento de todo o elenco. Pela primeira vez na temporada, o time parisiense começou o jogo com 11 estrangeiros em campo e nenhum francês.

Duas grandes promessas do PSG tiveram chances: o argentino Pastore entrou no meio de campo no lugar de Matuidi e Lucas Moura foi titularizado na direita do ataque, no lugar de Lavezzi.

O brasileiro, no entanto, não correspondeu exatamente ao que se espera de um jogador que tem ao seu lado os experientes Ibrahimovic e Cavani. É certo que dos seus pés, partiu o cruzamento do escanteio que fez Cavani abrir o placar aos 36 minutos do primeiro tempo.

Mas foi de Pastore o belo passe que deixou o uruguaio Cavani cara a cara com o goleiro e no drible, foi derrubado. Ibrahimovic converteu o pênalti com classe, ampliando o placar. O argentino foi mais presente e se movimentou bastante, ao contrário do brasileiro.

Apagado em campo e sem tocar muito na bola, Lucas também pecou por passes errados e dribles mal sucedidos. O perigo maior vinha de suas cobranças de escanteio e numa delas, já segundo tempo, Thiago Silva, na disputa de bola com um zagueiro lionês, fez o terceiro gol do PSG.

O quarto gol surgiu de outro pênalti, sofrido e convertido por Ibrahimovic, que assumiu a liderança isolada da artilharia do campeonato francês com 11 gols, à frente de Cavani, com 10.

Apesar dos 90 minutos em campo, o brasileiro não encontrou espaço para brilhar ao lado da “dupla infernal”, como imprensa esportiva francesa define Ibrahimovic e Cavani.. Pior, o desempenho e os gols do sueco e do uruguaio ofuscam ainda mais o talento de um jogador que ainda não conseguiu se impor numa equipe em ascensão e já apontada como uma das mais fortes atualmente da Europa.

Insatisfeito

Na saída do estádio, logo depois de ter sido escalado pelo clube para atender aos fãs num espaço reservado do estádio, Lucas admitiu não ter tido habilidade para fugir da forte marcação e encontrar seu espaço.

“Não saio totalmente satisfeito. Eu errei alguns passes, alguns dribles que normalmente eu não erro. Não saio chateado, e sim contente por ter ajudado a equipe, mas com aquele gostinho de que poderia ter jogado melhor”, avaliou.

Apesar da má atuação de Lucas, o resultado confirma que o PSG tem atualmente a equipe mais forte do futebol francês e pode contar comum elenco que mantém o alto nível coletivo, mesmo com as mudanças táticas e o revezamento entre titulares e reservas.

“A gente tem tentado manter o nível. A gente sabe que pela quantidade de jogos, a gente tem a possibilidade de fazer descansar alguns jogadores, mas mantendo o mesmo nível de qualidade dentro do campo”, afirmou Maxwell. “O importante é manter o nível de jogo que tem sido bom, os resultados também. É importante para a gente continuar trabalhando e prosseguir com a série de vitórias”, disse o lateral esquerdo brasileiro.

O PSG volta a campo nesta quarta-feira contra o Evian TG em jogo válido pela 16ª rodada do campeonato francês.
 

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.