Acessar o conteúdo principal
França/Brasil

Raí recebe Legião de Honra da França das mãos de Hollande

O ex-jogador Raí durante cerimônia de entrega da Legião de Honra, em São Paulo.
O ex-jogador Raí durante cerimônia de entrega da Legião de Honra, em São Paulo. Reuters

O presidente francês, François Hollande, entregou na noite desta quinta-feira, em São Paulo a medalha da Legião de Honra, uma das mais prestigiosas condecorações atribuídas pela França ao ex-jogador Raí. A cerimônia foi realizada durante encontro do chefe de Estado com a comunidade francesa que vive na capital paulista.

Publicidade

Antes de colocar a medalha no peito de Raí, o presidente francês lembrou a carreira do ex-jogador de futebol que passou uma temporada de cinco anos atuando pelo Paris Saint-Germain. Conhecido fã de futebol, Hollande lembrou da passagem de Raí pelo São Paulo antes e depois de ter jogado no PSG. "Ele soube seduzir o público parisiense, que é muito difícil", afirmou Hollande. "Por onde ele passou com a camisa do PSG ele foi aclamado", lembrou.

"Raí tinha a opção de jogar basquete ou futebol. Ele se daria bem em qualquer um dos esportes, mas ainda bem que escolheu o futebol", afirmou o presidente, que fez questão de lembrar que ele foi irmão de outro grande jogador de futebol, Sócrates.

"Ele não é apenas um jogador de futebol mas um homem engajado com uma das mais belas coisas que existem: a educação, principalmente dos mais frágeis", afirmou o presidente em referência à criação, junto com o ex-companheiro Leonardo, da Associação Gol de Letra, transformada em Fundação de assistência a crianças carentes.

"A França tem agora tem dois embaixadores no Brasil. O oficial e agora, Raí, o segundo embaixador da França no Brasil", concluiu Hollande.

Emocionado, Raí declarou que o prêmio lhe dá mais força e explicou que a França é um país que muito o inspirou pelos valores humanistas. "É uma honra e ao mesmo tempo uma responsabilidade de continuar pelo mesmo caminho e continuar sendo, como o presidente falou, um embaixador informal da França (com o Brasil), seja através da economia, cultura ou esporte. Quero estar a serviço dessa relação entre os dois países", afirmou.
 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.