Acessar o conteúdo principal
Jogos Paralímpicos de Sochi

Fernando Aranha faz estreia do Brasil em Jogos Paralímpicos de Inverno

O atleta brasileiro Fernando Aranha compete em Jogos Paralímpicos de Sochi.
O atleta brasileiro Fernando Aranha compete em Jogos Paralímpicos de Sochi. Divulgação/CBDN

O atleta brasileiro Fernando Aranha estreiou neste domingo em Sochi na competição de 15 km do esqui cross country. Ele terminou a prova em 15° entre 21 competidores. Essa foi a primeira participação brasileira em Jogos Paralímpicos de inverno.

Publicidade

Com o tempo de 49m31s4, Fernando Aranha completou os 15km do percurso de esqui cross country adaptado em Sochi. O vencedor foi o russo Roman Petushkov. Sobre o fato de ser o responsável pela estreia brasileira em Paralimpíadas de inverno, Aranha respondeu. “É uma honra ser o primeiro brasileiro a competir. Mas o André Cintra [o outro atleta da delegação brasileira em Sochi] tem os méritos dele. Ele foi o primeiro a disputar o Campeonato Brasileiro, em 2012, e também o primeiro a se classificar para os Jogos em Sochi. De qualquer maneira, é uma situação honrosa”, declarou ao site da Confederação Brasileira de Desportos na Neve.

O paulistano Aranha ainda compete nas provas de Sprint (1 km) no dia 14 e no percurso de 10 km no dia 16. Multiatleta em esportes adaptados, Aranha, que teve poliomielite na infância, tinha contato com o esporte paralímpico antes de se aventurar na neve. Ele já praticava modalidades como basquete, atletismo, ciclismo e triatlo.

Em entrevista à RFI, o brasileiro afirmou estar impressionado com o próprio desempenho na neve. “Eu me sinto orgulhoso porque realmente foi uma coisa muito difícil. Os índices de classificação não são necessariamente fáceis. Mas o esporte é universal”, afirmou.

No próximo dia 14, será a vez do brasileiro André Cintra mostrar suas habilidades na prova de snowboard cross. O porta-bandeira da delegação brasileira em Sochi é 18º colocado no ranking mundial e pratica o esporte há quatro anos. O atleta paulistano, de 34 anos, teve a perna direita amputada após um acidente de moto.

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.