Acessar o conteúdo principal
África do Sul/Justiça

Julgamento de Pistorius é prolongado e pode acabar em 16 de maio

Oscar Pistorius saindo do tribunal de Pretoria, onde está sendo julgado desde 3 de março.
Oscar Pistorius saindo do tribunal de Pretoria, onde está sendo julgado desde 3 de março. REUTERS/Siphiwe Sibeko

O julgamento do atleta paralímpico sul-africano Oscar Pistorius foi prolongado. O Tribunal de Pretoria anunciou hoje que decidiu adicionar mais sete semanas suplementares ao processo, que pode terminar somente em 16 de maio.

Publicidade

As sete semanas suplementares do julgamento de Oscar Pistorius foram divididas em dois blocos. As audiências serão retomadas amanhã (24) e vão acontecer até o dia 4 de abril. Depois, os trabalhos serão retomados de 14 de abril a 16 de maio. A Justiça sul-africana diz que o prazo final é apenas indicativo e que o julgamento pode terminar um pouco antes.

As audiências começaram em 3 de março e estavam previstas para terminar na ultima quinta-feira (20). Mas o tribunal alega que conseguiu ouvir até agora um numero muito pequeno de testemunhas e necessita de mais tempo. Apos 13 dias de audiências transmitidas ao vivo pela televisão, a Corte só ouviu 18 pessoas.

Crime premeditado?

Oscar Pistorius, de 27 anos, é acusado de ter assassinado sua namorada Reeva Steenkamp. A modelo tinha 29 anos quando foi morta com 4 tiros na casa do atleta paralímpico, em Pretoria, em fevereiro de 2013. Pistorius afirma que confundiu a namorada com assaltantes. Para a acusação, o crime foi premeditado.

Com essa prolongação, o julgamento super midiático pode interferir na cobertura das eleições gerais na África do Sul que acontecem em 7 de maio.

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.