Acessar o conteúdo principal
Futebol/Brasil

Brasil ressuscita no amistoso contra a Argentina, diz AFP

Jogadores brasileiros festejam o segundo gol de Tardelli no amistoso contra a Argentina, em Pequim, neste sábado 11/10/2014.
Jogadores brasileiros festejam o segundo gol de Tardelli no amistoso contra a Argentina, em Pequim, neste sábado 11/10/2014. Reuters

A vitória do Brasil contra a Argentina, 2 a 0, foi “um passo importante para curar as profundas feridas da Copa do Mundo”, escreveu a agência de notícias francesa AFP. A seleção brasileira, humilhada no Mundial em casa, derrotou neste sábado (11) a vice-campeã do mundo, no amistoso disputado em Pequim.

Publicidade

Os dois gols da partida foram marcados pelo atacante do Atlético Mineiro, Diego Tardelli, aos 28 minutos do primeiro tempo, e aos 64 minutos do segundo. A partida estava reservada para os craques, Neymar, pelo lado brasileiro e Messi, pelo Argentino, mas o herói da partida foi Tardelli, sentencia a AFP.

Lionel Messi perdeu inclusive um pênalti! “Não aproveitamos as oportunidades que tivemos no primeiro tempo e perdemos um pênalti; Mas somos uma equipe em formação”, justificou o meia, Javier Mascherano, lembrando que a seleção argentina é comandada por um novo técnico, Gerardo Tata Martino. “Perder contra o Brasil sempre dói”, confessou Pablo Zabaleta.

Era Dunga

Essa foi a terceira vitória consecutiva da seleção brasileira desde o retorno do técnico Dunga e do fiasco da Copa do Mundo em casa. Respeitando as orientações de seus técnicos, a Argentina começou o jogo pressionando o adversário e o Brasil priorizando a marcação. O primeiro gol de Tardelli, após um erro da defesa argentina, equilibrou o jogo.

Neymar não marcou, mas fez uma boa partida. Outro destaque do jogo foi a entrada de Kaká, faltando 10 minutos para o fim da partida, no lugar de Tardelli. Essa foi a primeira vez, desde março de 2013, que o meia voltou a jogar pela seleção.

O amistoso em Pequim foi válido pelo Superclássico das Américas. Brasil volta a campo na terça-feira (14) contra o Japão, em amistoso disputado em Cingapura. A seleção brasileira já se prepara para a Copa América 2015 e para as eliminatórias do Mundial em 2018.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.