Acessar o conteúdo principal
Futebol/França

Ibrahimovic garante PSG em mais uma final e se aproxima de recorde de gols

Zlatan Ibrahimovic comemora um de seus gols na vitória de 4 a 1 do PSG sobre o Saint-Etienne. (08/04/15)
Zlatan Ibrahimovic comemora um de seus gols na vitória de 4 a 1 do PSG sobre o Saint-Etienne. (08/04/15) REUTERS/Benoit Tessier

Única equipe europeia a disputar ainda quatro troféus na temporada, o Paris Saint-Germain garantiu nesta quarta-feira (8) a disputa de uma segunda final de uma competição francesa. O time parisiense venceu em casa o Saint-Etienne por 4 a 1 e garantiu vaga na briga pelo troféu da Copa da França, no próximo dia 30 de maio contra o Auxerre.

Publicidade

A goleada foi garantida graças ao oportunismo da grande estrela do time, o atacante sueco Zlatan Ibrahimovic. Ele marcou três dos quatro gols e da vitória e chegou a 102 gols com a camiseta do PSG, ultrapassando o francês Rocheteau como maior artilheiro da história do clube. O sueco está apenas a sete gols do recorde do atacante português Pauleta. 

Criticado pelas atuações irregulares desde o início desta temporada, Ibrahimovic mostrou que o time pode contar com seu talento e experiência em momentos decisivos. Maior artilheiro do PSG, o sueco se tornou o grande carrasco do Saint-Etienne. Foram oito gols nas quatro vezes que os dois times se enfrentaram nesta temporada.

Atacante impulsivo e imprevisível

Se por um lado o Paris Saint-Germain pode contar com o “faro de gol” de Ibrahimovic, por outro o time também sofre com o comportamento impulsivo do craque. Expulso contra o Chelsea por uma jogada violenta, “Ibra”, vai desfalcar o PSG no primeiro duelo contra o Barcelona pelas quartas de final da Liga dos Campeões, na semana que vem. Até fora de campo sua irritação pode prejudicar o time.

O atacante tem compromisso nesta quinta-feira (9) com a comissão de disciplina da Federação Francesa de Futebol. O sueco não vai ser julgado por ter dito que a França "era um país de merda", mas pelos insultos contra o juiz, proferidos quando se dirigia ao vestiário após a derrota do PSG contra o Bordeaux pelo campeonato francês.

O atacante corre o risco de ser suspenso por até quatro partidas. Mas como a eventual punição será aplicada em jogos pelo campeonato francês, ele pode estar em campo para a final de sábado (11) contra o Bastia pela Copa da Liga francesa. Salvo uma grande surpresa, o PSG deverá erguer seu primeiro troféu da temporada no Stade de France.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.