Acessar o conteúdo principal

Neymar é ouvido pela justiça sobre transferência para o Barcelona

Neymar deixou a Audiência Nacional sem dar declarações, mas distribuiu autógrafos e fez selfies com fãs.
Neymar deixou a Audiência Nacional sem dar declarações, mas distribuiu autógrafos e fez selfies com fãs. REUTERS/Sergio Perez

O jogador brasileiro Neymar prestou depoimento nesta terça-feira (2) na Audiência Nacional (principal instância penal espanhola), sobre as condições de sua transferência para o FC Barcelona. O craque compareceu acompanhado de seu pai e sua mãe, que também devem ser ouvidos pela justiça.

Publicidade

Aparentemente descontraído, Neymar chegou a Audiência Nacional por volta das 17h no horário local (14h em Brasília), e distribuiu autógrafos antes do depoimento. O jogador deixou o prédio uma hora e meia mais tarde sem dar declarações, mas fez vários selfies com fãs na porta do prédio. O pai e a mãe do atleta serão ouvidos ainda na noite desta terça-feira.

Neymar foi ouvido sobre as supostas irregularidades ligadas à sua transferência para o Barcelona, após uma ação apresentada pelo fundo de investimentos brasileiro DIS, que possuía 40% dos direitos esportivos do jogador. Em um primeiro momento, o time espanhol divulgou oficialmente a contratação de Neymar com o valor de € 57,1 milhões (€ 40 milhões para a família de Neymar e € 17,1 milhões para o Santos), mas a justiça espanhola calcula que a negociação foi de pelo menos € 83,3 milhões.

Santos se sentiu "enganado" por Neymar

A representante do Santos, Fátima Cristina Bonassa, que também foi ouvida sobre o caso na véspera, afirmou à justiça espanhola que o clube paulista se sentiu enganado por Neymar e seu pai, depois de tomar conhecimento dos detalhes da contratação do brasileiro pelo Barcelona. Durante seu depoimento, Bonassa declarou ao juiz José de la Mata que o atacante é uma pessoa capaz, maior de idade e que sabia o que estava assinando.

Bonassa prestou depoimento por cinco horas como parte da investigação. Ela lembrou que no Brasil, por lei, os jogadores definem suas transferências e que Neymar insistiu que queria jogar no Barcelona. Por este motivo, o Santos aceitou os € 17,1 milhões, afirmou. A representante do time disse que só depois de saber o valor realmente pago pelo clube espanhol os dirigentes da equipe paulista entenderam a insistência do jogador para ser transferido.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.