Acessar o conteúdo principal
Tênis/Austrália

Serena Williams vence Aberto da Austrália e se aproxima de novo recorde

Serena Williams, com seu novo troféu na carreira, o 23° de um Grand Slam.
Serena Williams, com seu novo troféu na carreira, o 23° de um Grand Slam. REUTERS/Edgar Su

Serena Williams venceu sua irmã Venus na final do Australian Open neste sábado (28) por 2 sets a 0 e ergueu o 23° título de Grand Slam na carreira. Com a conquista, a americana está a um passo de confirmar seu nome como a maior jogadora da história do tênis feminino.

Publicidade

Serena, de 35 anos, tem agora o recorde de títulos da era profissional (Open) e passou a alemã Steffi Graff, que ergueu 22 títulos de Grand Slam. A americana agora está mais perto de atingir o recorde absoluto que pertence à australiana Margaret Court (24), que esteve na tribuna presidencial da Rod Lover Arena e testemunhou sua sucessora ficar a apenas um passo da sua impressionante marca.

A facilidade com que a mais jovem das irmãs Williams triunfou nas quadras de Melbourne indica que o recorde pode não estar longe do alcance das mãos. "É uma loucura, sabia que teria a oportunidade de quebrar o recorde, mas não quero falar de marcas, isto me ajuda a ficar mais tranquila", disse Serena, que voltou a ser a número 1 do mundo com a vitória neste sábado por dois sets de 6/4.

Emoção e orgulho

No pódio, Serena fez uma homenagem à irmã Venus, 36 anos, com quem não disputava uma final desde Wimbledon, em 2009. " Não teria alcançado 23 títulos sem você. Na verdade, não estaria em lugar algum, é você que me motiva, a única razão pela qual existem as irmãs Williams. Você conseguiu um retorno incrível", disse, referindo-se à volta de Venus à uma final depois de muitos problemas físicos.

Visivelmente emocionada, Venus confessou diante do público australiano: "Você conseguiu algo espetacular, sua vitória sempre é uma vitória minha também. Acho que você já sabe, tenho muito orgulho de você".

Serena Williams recebe um abraço de sua irmã Venus, ao final da partida pelo Aberto da Austrália.
Serena Williams recebe um abraço de sua irmã Venus, ao final da partida pelo Aberto da Austrália. REUTERS/Jack Thomas/Pool

Serena Williams conquistou seu sétimo título na Austrália, 14 anos depois de ter triunfado pela primeira vez no local, também na final disputada contra sua irmã Venus. No total, as duas irmãs se enfrentaram em nove finais de Grand Slams com um saldo de sete vitórias para Venus e duas para Serena.

Apesar de ter conquistado a impressionante marca de 23 troféus de Grand Slams (7 do Open da Austrália, 3 Roland-Garros, 7 Wimbledon, 6 US Open) e outros 13 títulos de duplas com a irmã Venus, além de quatro medalhas de ouro em Olimpíadas (uma em simples e três em duplas), Serena ainda persegue um feito inédito. Ela nunca conseguiu ganhar os quatro maiores títulos do tênis na mesma temporada, o chamado verdadeiro Grand Slam. Será em 2017?
 

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.