Acessar o conteúdo principal
Inglaterra/ CASAMENTO REAL

Segurança será reforçada para o casamento real britânico

Todo o perímetro do cortejo real está sendo vasculhado para evitar incidentes durante o casamento
Todo o perímetro do cortejo real está sendo vasculhado para evitar incidentes durante o casamento Reuters

A Scotland Yard quer garantir que "anarquistas" não atrapalhem os festejos da união entre Kate Middleton e o príncipe Willian, que acontece na Abadia de Westminster na capital britânica. Há oito dias do casamento real, a polícia londrina reforça o esquema de segurança.

Publicidade

Segundo a Scotland Yard, “grupos anarquistas” podem tentar atrapalhar o evento e a prisão preventiva de manifestantes não está descartada. São os "black blocs", ativistas autônomos vestidos de preto que se reúnem de maneira efêmera, em geral envolvendo atos de violência ou de destruição da propriedade privada, que seriam os convidados indesejáveis dessa festa. Alguns grupos já anunciaram a intenção de se mobilizarem na data. A rede Network X, que defende a desobediência civil, afirmou ao jornal inglês The Sun que está construído um cavalo de madeira de cinco metros para ser queimado nas ruas durante a cerimônia.Todo o perímetro está sendo vasculhado dias antes pela polícia para evitar qualquer incidente.

O dispositivo de segurança vai contar com mais de cinco mil homens, além de centenas de policiais montados a cavalo para evitar atos de violência e manifestações. A guarda da rainha com seus uniformes vermelhos e chapéu de pelo de urso será posicionada ao longo do cortejo. A ampla cobertura midiática do evento e seu valor simbólico tornam a cerimônia uma vitrine perfeita para manifestações contra o governo.

A imprensa internacional estará presente em peso e a transmissão ao vivo será garantida por diversos canais e pela internet. Dois bilhões de expectadores terão os olhos grudados nas telas, de acordo com o governo britânico. O evento é prioridade para diversos veículos de comunicação: somente a BBC terá 100 câmeras instaladas no interior da Abadia de Westminster.

A cidade espera cerca de 600 mil turistas apenas para acompanhar o casamento, atraídos pelo evento histórico repleto de convidados famosos e com ar de conto de fadas. Uma multidão é esperada ao longo de todo o circuito percorrido pela família real inglesa.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.