Acessar o conteúdo principal
Rosetta/Agência Espacial Europeia

Robô Philae faz novo contato com a Terra após sete meses "dormindo"

O robô Philae, quando aterrissou no cometa Chury, no dia 12 de novembro de 2014.
O robô Philae, quando aterrissou no cometa Chury, no dia 12 de novembro de 2014. AFP PHOTO / ESA/Rosetta/Philae/CIVA

O robô europeu Philae fez um novo contato durante mais de dez minutos com a Terra na madrugada desta segunda-feira (15). Ao fazer o anúncio, o presidente do Centro de Estudos Espaciais (CNES) da França, Jean-Yves le Gall, confirmou que o robô está "completamente acordado" após passar sete meses sem comunicação.

Publicidade

"Neste momento, estamos tentando melhorar a comunicação com Philae. Ainda não estamos pensando muito na missão", disse o chefe do projeto Rosetta no CNES, Philippe Gaudon. O cientista informou que sua equipe está verificando o funcionamento do robô e, quando obtiver um contato de pelo menos 15 minutos, poderá enviar comandos para que ele dê sequência aos trabalhos.

Philae chegou até o cometa Tchouri depois de uma viagem de 10 anos com a sonda Rosetta. Mas pousou em novembro de 2014 em uma posição em que recebia pouca luz solar - o combustível que faz o robô funcionar. Na ocasião, após alguns dias de trabalho intenso, Philae "hibernou".

Na madrugada de domingo, foi feito o primeiro contato de dois minutos, o que permitiu a coleta de dados por um período de 40 segundos, o suficiente para devolver a euforia para os responsáveis pela missão espacial considerada a mais importante do início deste século.

Aproximação do sol

O equipamento voltou a reagir devido a aproximação do planeta na superfície do cometa "Chury" do Sol, onde se encontra atualmente a 210 milhões de quilômetros distância. A movimentação permitiu uma melhoria da luminosidade e um aumento da temperatura, favorecendo o "despertar" do robô.

As imagens emitidas ao vivo mostram que o cometa Chury está em plena efervescência, com jatos de gás e poeiras. Neste momento, ele está a cerca de 210 milhões de quilômetros do Sol. No próximo dia 13 de agosto Chury estará muito próximo do astro.

O robô Philae e a sonda Rosetta participam da missão que visa entender melhor a evolução do sistema solar desde seus primórdios.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.