Acessar o conteúdo principal
Espanha/Picasso

Quadro de Picasso de € 25 mi apreendido na Córsega volta para a Espanha

Quadro de Picasso "Cabeça de Mulher Jovem"
Quadro de Picasso "Cabeça de Mulher Jovem" AFP PHOTO / FRENCH CUSTOMS OFFICE

O quadro de Picasso "Cabeça de Mulher Jovem", apreendido a bordo de um iate na Córsega pela alfândega francesa, será transferido nesta terça-feira (11) ao Museu Reina Sofia, em Madri, segundo informações da polícia espanhola.

Publicidade

Agentes da unidade da Guarda Civil encarregada da proteção do patrimônio histórico espanhol foram até a ilha para recuperar a obra, de um valor estimado em mais de € 25 milhões e considerada "inexportável" pelo governo espanhol.

O quadro, de propriedade do banqueiro espanhol Jaime Botin, ficará em um depósito do museu, até que seja decidido definitivamente o seu destino. A Guarda Civil abriu uma investigação sobre a saída da pintura da Espanha, que, segundo o governo espanhol, não pode deixar o território por "não existir uma obra parecida" no país.

O quadro foi pintado durante o período em que Picasso morou na cidade catalã de Gosol, antes da criação do cubismo. O proprietário tentou tirá-lo do país sem uma autorização de exportação.

Histórico da apreensão

Os funcionários franceses receberam no dia 30 de julho no escritório da alfândega de Bastia, na Córsega, um pedido de exportação do quadro à Suíça.

No dia seguinte, os agentes da alfândega de Calvi, no noroeste da ilha mediterrânea, "se apresentaram a bordo do iate que transportava a obra, atracado no porto esportivo" da cidade, e exigiram os "documentos relacionados à situação do quadro", segundo um comunicado do serviço alfandegário francês.

"O capitão do barco só pôde apresentar um documento de avaliação da obra e uma sentença redigida em língua espanhola, de maio de 2015, da Audiência Nacional espanhola e confirmava que se tratava de um tesouro nacional espanhol que em nenhum caso poderia sair da Espanha".

Em dezembro de 2012, a filial espanhola da casa de leilões Christie's apresentou na Espanha um pedido para exportar o quadro a Londres para ser colocado à venda, mas o ministério da Cultura espanhol o declarou inexportável.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.