Acessar o conteúdo principal
Turquia/explosão

Explosão em praça turística de Istambul deixa pelo menos 10 mortos

O centro da cidade turca de Istambul foi palco de uma explosão na praça Sultanahmet fazendo vários mortos e feridos.
O centro da cidade turca de Istambul foi palco de uma explosão na praça Sultanahmet fazendo vários mortos e feridos. REUTERS/Kemal Aslan TEMPLATE OUT

Pelo menos dez pessoas morreram e 15 ficaram feridas em uma explosão nesta terça-feira (12) na praça Sultanahmet, no centro de Istambul, situada no bairro histórico e turístico da cidade, perto da mesquita azul e da Basílica Santa Sofia.

Publicidade

A TV local Haberturk já trabalha com a hipótese de um atentado suicida, citando uma fonte do governo. Diversas ambulâncias já estão no local para evacuar os feridos, e o bairro foi fechado pela polícia. O temor é de que haja uma nova explosão, de acordo com policiais presentes no local.

A detonação, por volta das 10h18, segundo a mídia local, foi extremamente violenta e ouvida nos bairros vizinhos, inclusive na praça Taksim, a vários quilômetros de distância.

País está em alerta

A Turquia vive há vários meses em estado de alerta desde o duplo atentado suicida que deixou 103 mortos no dia 10 de outubro, na estação central de Ankara. Este ataque, o mais violento da história da Turquia, foi atribuído pelas autoridades ao grupo Estado Islâmico.

Em janeiro de 2015, uma mulher-bomba acionou sua cintura de explosivos diante de uma delegacia, também na praça de Sultanahmet, ferindo dois policiais. A autoria do ataque, segundo o governo, foi da organização de extrema esquerda DHKP (Partido Revolucionário de Liberação do Povo). No dia 23 de dezembro, o aeroporto Sabina Gokcen também foi alvo de um novo atentado, que deixou um morto e um ferido.

Depois de dois anos de cessar-fogo, os combates entre as forças de segurança e os rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) também foram retomados. O conflito já deixou mais de 40 mil mortos desde 1984.

France 24/ RFI

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.