Acessar o conteúdo principal
Portugal

Avião bimotor cai em Portugal e deixa pelo menos cinco mortos

Homem fotografa região do acidente, perto de Lisboa, que foi isolada pelos bombeiros
Homem fotografa região do acidente, perto de Lisboa, que foi isolada pelos bombeiros REUTERS/Rafael Marchante

Um avião de pequeno porte caiu nesta segunda feira (17) na região de Lisboa matando pelo menos cinco pessoas e deixando vários feridos. Um homem, que estava no depósito de um supermercado atingido pela aeronave, está entre as vítimas fatais.

Publicidade

Os quatro ocupantes do avião de turismo, o piloto e seus três passageiros, morreram no acidente. A quinta vítima fatal é um homem que estava no local da queda da  aeronave, um bimotor turboprop da marca PA31 (Piper Navajo), com matrícula suíça (HB-TI). 

A Defesa Civil portuguesa confirmou que os ocupantes do avião eram três franceses e um suíço. Além das vítimas fatais, pelo menos três pessoas tiveram ferimentos leves, segundo um balanço comunicado pelo comandante da Defesa Civil da região de Lisboa, André Fernandes.

O avião caiu logo depois de decolar do aeródromo de Tires, em Cascais, rumo a Marselha, no sul da França. A menos de um quilômetro da pista de decolagem, a aeronave se chocou contra um caminhão, provocando danos no depósito do supermercado e em uma residência adjacente.

Mais de 90 bombeiros se dirigiram ao local e controlaram rapidamente o incêndio provocado pela colisão. O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, foi imediatamente para a zona do acidente acompanhar as operações de busca. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.