Acessar o conteúdo principal
Catalunha

Polícia prende suspeito de atentado terrorista em Barcelona

Ambulância na área da Rambla após o ataque
Ambulância na área da Rambla após o ataque Josep LAGO / AFP

A polícia da Catalunha, chamada Mossos d’Esquadra, anunciou no Twitter que prendeu um suspeito de participação no atentado em Barcelona. Às 17h desta quinta-feira (17) uma van atropelou pessoas na Rambla, um dos locais mais movimentados da cidade, deixando 13 mortos e cerca de 80 feridos.

Publicidade

Diferentemente da informação divulgada até o momento, não havia ninguém entrincheirado em um restaurante nem reféns.

Um segundo suspeito foi identificado como Driss Oukabir Soprano, francês de Marselha e que estava morando em Ripoll, na Catalunha, próxima à fronteira com a França.

O presidente da Catalunha, Carles Puigdemont, realiza neste momento uma reunião de emergência do governo, com a prefeita da cidade, Ada Colau, e diversos secretários.

Em plena alta temporada do verão, a Rambla estava lotada de turistas no momento do ataque. A TV3 divulgou imagens de feridos sendo atendidos no local.

Todos os eventos programados para esta quinta-feira na cidade, inclusive as famosas Festas de Gràcia (bairro ao norte), foram cancelados. As estações metrô Paral.lel, Drassanes, Liceu, Catalunya e Passeig de Gràcia e de trens urbanos da zona foram fechadas.

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.