Acessar o conteúdo principal

Museu Picasso exibe mais de 160 esculturas do mestre espanhol

Exposição apresenta mais de 160 esculturas de Pablo Picasso
Exposição apresenta mais de 160 esculturas de Pablo Picasso Divulgação

O Museu Picasso de Paris abriga uma exposição que mostra um lado pouco conhecido do artista espanhol: o de escultor. A mostra já foi apresentada no Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA), até janeiro deste ano, e reúne mais de 160 esculturas.

Publicidade

O objetivo, segundo a curadora Virginie Perdrisot, é revelar ao público aspectos pouco estudados da escultura de Picasso, como a sua dimensão múltipla através da questão das séries e variações, das fontes e das tiragens.

A exposição reúne obras excepcionais do mundo inteiro (cerca de 70 empréstimos), como a série "Seis Copos de Absinto" (1914); as duas versões de "Mulher no Jardim", criada com o apoio técnico de González (1929-1930), reunidas pela primeira vez desde 1932; e um grande conjunto de folhas de metais pintadas (1954-1962), que permitem questionar o processo criativo da passagem das maquetes em papel às esculturas.

Há ainda um diálogo entre as obras do MoMa e aquelas do Museu Picasso, principalmente através de peças célebres como "Cabeça de Mulher", "Crânio de Cabra, Garrafa e Vela" e "La Guenon et Son Petit".

"Propomos também um novo olhar sobre as esculturas do acervo do nosso museu, apresentadas com suas 'cópias' ou 'variantes'", explica a curadora. Nesse rol estão incluídas as diferentes propostas imaginadas por Picasso para o Monumento a Guillaume Apollinaire. O percurso é cronológico e temático e inclui ainda desenhos e pinturas.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.