Acessar o conteúdo principal
França/festa/vizinhos

Festa dos Vizinhos promove boa convivência entre os franceses

A Festa dos vizinhos comemora sua 16° edição em 2016.
A Festa dos vizinhos comemora sua 16° edição em 2016. mmeublesenfete.com

Toda última sexta-feira do mês de maio, acontece por toda a França a já tradicional “Festa dos Vizinhos”. Nesta sexta-feira (27) está sendo celebrada a 17ª edição do evento, que tem por objetivo promover a aproximação das pessoas que moram no mesmo prédio ou na mesma vizinhança.

Publicidade

A ideia surgiu a partir de um fato não muito alegre. Atanase Périfan, um dos fundadores da associação Imóveis em Festa (Immeubles en Fête), resolveu promover esses encontros quando descobriu que uma de suas vizinhas, bastante idosa, estava há quatro meses morta em casa, sem ninguém se dar conta.

Périfan transformou um fato trágico em algo positivo. Ele passou a procurar as prefeituras e associações de moradores para vender a ideia de que conhecer as pessoas que moram ao redor é importante. Desde então, boa parte dos prédios franceses promovem algum tipo de confraternização para fomentar a integração entre as pessoas.

Nadia Nowatzki de Lima trabalha na Imóveis em Festa e é responsável por promover a iniciativa em outros locais. A festa dos vizinhos já acontece em 36 países diferentes, nos cinco continentes. “A maior parte dos aderentes são os países da Europa mesmo. Mas já realizamos festas no Japão e em vários países da Africa”, explica.

Melhorar a convivialidade

O trabalho da entidade é auxiliar condomínios que queiram promover festas e também buscar parcerias com prefeituras e entidades particulares para fomentar a iniciativa. Este ano, o tema escolhido para a festa é a luta contra o desperdício alimentar.

A responsável financeira Nacera Sourciat mora num conjunto residencial no 20º distrito de Paris e há 12 anos os moradores realizam a Festa dos Vizinhos. O conjunto conta com 80 apartamentos. No entanto, Nacera admite que um pouco menos da metade dos moradores participa dos eventos a cada ano. Mas, mesmo assim, ela acredita que as festas acabam aproximando os vizinhos mais interessados em melhorar a convivialidade.

“Eu que trabalho do outro lado da cidade, saio cedo todos os dias e não tenho a oportunidade de cruzar com os meus vizinhos. Estas festas me permitem encontrar pessoas que eu não encontraria normalmente. E é bom saber quem são nossos vizinhos se, por alguma razão, precisarmos de ajuda”, afirma.

De acordo com dados da Imóveis em Festa, em 2015, 1119 prefeituras de toda a França apoiaram a realização da festa e cerca de oito milhões de franceses participaram dos eventos, cerca de 27% da população do país.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.