Acessar o conteúdo principal

Últimas pesquisas: Macron tem 61,5% a 63% dos votos, contra 37% a 38,5% de Le Pen

Marine Le Pen e Emmanuel Macron no debate da quarta-feira (3)
Marine Le Pen e Emmanuel Macron no debate da quarta-feira (3) France 2

Emmanuel Macron, candidato centrista à eleição presidencial francesa, seria eleito com uma larga vantagem neste domingo (7), com entre 61,5% e 63% dos votos, contra entre 37% e 38,5% de Marine Le Pen, da extrema-direita, segundo as últimas pesquisas divulgadas nesta sexta-feira (5).

Publicidade

Elas foram realizadas depois do virulento debate na TV entre os candidatos, no qual Le Pen se mostrou agressiva e despreparada. A última pesquisa divulgada, do instituto Ifop-Fiducial, dá 63% de votos válidos para Macron, contra 37% para Le Pen. O candidato centrista ganhou dois pontos, e a líder da extrema-direita perdeu três.

Segundo o estudo do instituto Ipsos Sopra Steria, para a France Télévisions e a Radio France, Macron tem 61,5%, 2,5 pontos a mais em relação à pesquisa anterior realizada nos dias 30 de abril e 1° de maio. Já Le Pen caiu 2,5 pontos, para 38,5%.

O índice de participação dos eleitores se situa em 76%, o que seria inferior ao do primeiro turno, que foi de 78%. 84% dos entrevistados que disseram que votarão com certeza afirmaram que a sua escolha é definitiva, enquanto 16% falaram que ainda podem mudar de ideia. A pesquisa foi realizada com 2.632 pessoas. A margem de erro é de 0,7 a 2,5 pontos.

Eleitores de Fillon e Mélenchon

Na pesquisa do instituto Elabe, para o canal BFM-TV e para a revista L'Express, Macron seria eleito com 62% dos votos contra 38% para Le Pen. O candidato do movimento Em Marcha! ganhou três pontos em relação à sondagem realizada entre 28 de abril e 2 de maio. 68% dos entrevistados disseram que votarão com certeza.

Dos eleitores de François Fillon no primeiro turno, 45% votarão no ex-ministro da Economia e 32% em Le Pen (23% não expressaram intenção de voto). Daqueles que votaram em Jean-Luc Mélenchon, da esquerda radical, 54% escolhem Macron, e 14%, sua rival (32% não se expressaram).

Já 72% dos eleitores de Benoît Hamon votarão em Macron, e 7%, em Le Pen (21% não se expressaram). A pesquisa entrevistou 1.009 pessoas, e a margem de erro é 1,6 a 3,7 pontos.

Já o instituto Odoxa, para a consultoria Dentsu-Consulting e a revista Le Point, revelou que 62% votarão em Macron, aumento de três pontos, contra 38% em Le Pen, que perdeu três pontos. O instituto Harris Interactive, em pesquisa realizada entre 2 e 5 de maio, antes e depois do debate, mostra que Macron tem 62%, ganhando um ponto após o confronto televisivo, e Le Pen, 38%.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.