Acessar o conteúdo principal

Autor do atentado de Estrasburgo gravou vídeo jurando lealdade ao EI

Policiais cercam região onde Chérif Chekatt foi morto em Estrasburgo
Policiais cercam região onde Chérif Chekatt foi morto em Estrasburgo REUTERS/Christian Hartmann

Um vídeo fazendo apologia ao grupo terrorista Estado Islâmico (EI) foi encontrado em um pen drive pertencente a Chérif Chekatt, 29, autor do atentado do último dia 11 na feira de Natal de Estrasburgo, na França, anunciou neste sábado (22) uma fonte da Justiça francesa. As imagens mostram o jovem jurando lealdade aos jihadistas.

Publicidade

O ataque deixou cinco mortos e 11 feridos e foi reivindicado pelo EI minutos após a morte do terrorista, depois de 48 horas de buscas. A reivindicação foi classificada de “oportunista” pelo governo francês.

O pen drive foi encontrado durante uma das operações realizadas após o atentado. Nascido em Estrasburgo, Chekatt tinha 27 condenações por crimes comuns e era considerado um “Ficha S” (pessoa potencialmente perigosa). Na manhã do ataque, a polícia havia ido à sua residência por um caso de tentativa de homicídio, mas ele conseguiu escapar.

Família investigada

Um homem de 37 anos, suspeito de ter fornecido o revólver do fim do século XIX, foi colocado em prisão provisória. O promotor de Paris declarou que a investigação continuará, "para identificar os possíveis cúmplices ou coautores" do ataque.

Um dos irmãos do terrorista, que também é “Ficha S” por ser considerado radicalizado, foi alvo de um mandato de busca da delegacia antiterrorista. Ele foi encontrado pela polícia na Argélia, no dia seguinte ao atentado. Os pais de Chérif Chekatt, detidos após o ataque, foram libertados em seguida e apareceram na televisão francesa em uma entrevista.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.