Acessar o conteúdo principal
Meio Ambiente

Bombas abandonadas trazem riscos à população e ao ambiente

Bombeiros alemães tentam controlar fogo causado por explosão de bomba da Segunda Guerra Mundial, nesta terça-feira, em Munique.
Bombeiros alemães tentam controlar fogo causado por explosão de bomba da Segunda Guerra Mundial, nesta terça-feira, em Munique. REUTERS/Einsatzfoto der Berufsfeuerwehr Muenchen/Handout

A explosão de uma bomba da Segunda Guerra em bairro de Munique, nesta semana, obrigou a evacuação de 2,5 mil pessoas da região onde o material foi encontrado. Menos de 24 horas depois, um bairro de Amsterdã registrou uma situação semelhante. A última grande guerra acabou há 67 anos, mas até hoje os resquícios dos combates encontram-se enterrados por toda a parte na Europa, causando riscos às populações e ao meio ambiente.

Publicidade

Na França, uma organização ecologista, a Robin des Bois, elaborou um vasto estudo sobre o problema e afirma que, apenas nos útimos quatro anos, quase 600 vestígios de conflitos militares foram encontrados no país, a maioria em regiões como a Normandia, palco de três sangrentas guerras. O porta-voz da organização, Jacky Bonnemains, desvenda as ameaças deste material bélico, muitas vezes descoberto apenas no momento da realização de construções ou obras públicas. Ele lamenta que a maioria das bombas seja destruída no próprio local onde são encontradas.

O capitão Eric Lombard, chefe do Centro Interdepartamental de Desativação de Explosivos de Versailles,  explica qual é o procedimento realizado diante de uma situação como esta. Ele afirma que a cada ano, nada menos do que 600 toneladas de resquícios das guerras são encontrados na França e demandam a ação das operações especiais. Lombard diz que muito pouco do material pode ser reciclado devido às explosões que acabam sendo necessárias para neutralizar as bombas.

Os explosivos que repousam no solo europeu são apenas uma parte de todos os vestígios de guerra que poluem o mundo, afinal toneladas de bombas, granadas e morteiros também se encontram no fundo dos oceanos.

 

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.