Acessar o conteúdo principal
Fato em Foco

Cacique Raoni encerra campanha Amazônia em Risco em Paris

Áudio 04:32
O cacique caiapó Raoni Metuktire (d) e seu sobrinho, Megaron Txucarramae, durante coletiva de imprensa que encerrou a campanha Amazônia em Risco em Paris nesta quinta-feira.
O cacique caiapó Raoni Metuktire (d) e seu sobrinho, Megaron Txucarramae, durante coletiva de imprensa que encerrou a campanha Amazônia em Risco em Paris nesta quinta-feira. Marcia Bechara/RFI

O cacique Raoni Metuktire finalizou ontem à tarde, em Paris, sua campanha “Amazônia em Risco” com uma boa notícia. Ele conseguiu arrecadar quase 18 mil euros - cerca de 48 mil reais -, para construir uma aldeia indígena na fronteira entre o Mato Grosso e o Pará. O local servirá como proteção da área onde vive a tribo caiapó que estaria ameaçada e tem sido alvo de conflitos intensos.Nas duas últimas semanas, o líder indígena encontrou o presidente François Hollande e com o presidente da Comissão Europeia, João Manuel Barroso, na França, além de se reunir com representantes de associações de defesa de meio ambiente na Suíça e na Holanda. Na pauta do cacique estavam a preservação da Floresta Amazônica, a proteção dos povos indígenas e a controversa construção da usina hidrelétrica de Belo Monte cujas obras foram iniciadas em junho de 2011.No Fato em Foco de hoje, ouvimos o líder caiapó, Raoni Metuktire; o presidente da organização não-governamental Planète Amazone, Gert-Peter Bruch, e secretário executivo do Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola, Maurício Voivodic, sobre a campanha Amazônia em Risco.  

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.