Acessar o conteúdo principal
Linha Direta

Austrália enfrenta a pior onde de calor em cem anos

Áudio 04:20
Verão histórico na Autrália com onda de calor que atingiu 40°C na Tasmânia, uma região conhecida por seu clima normalmente mais fresco que no resto do país.
Verão histórico na Autrália com onda de calor que atingiu 40°C na Tasmânia, uma região conhecida por seu clima normalmente mais fresco que no resto do país. REUTERS/David Gray

A onda de calor que paira sobre a Austrália está produzindo temperaturas recordes. Pelo menos seis dos primeiros sete dias de 2013 estão entre os 20 dias mais quentes já registrados no último século. Cerca de 70% do território do país foi atingido pela forte onda de calor. O governo australiano emitiu alerta máximo para esta terça-feira, pois o clima seco e o vento quente estão fazendo com que os incêndios florestais avancem com rapidez. O estado de Nova Gales do Sul, do qual Sydney é a capital, conta atualmente com mais de cem focos de incêndio, muitos deles fora do controle dos bombeiros. Na Tasmânia, o fogo destruiu oitenta casas na pequena cidade de Dunalley. Mais de mil pessoas tiveram que ser resgatadas por barcos na Península da Tasmânia e e levadas para a capital Hobart, como relata nossa correspondente em Melbourne, Luciana Fraguas. Cliquem acima para ouvir o relato completo sobre a onda de calor na Austrália.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.