Acessar o conteúdo principal
Rússia/ jogos

Sochi começa a armazenar neve para Olimpíadas de Inverno de 2014

Vista aérea mostra estádio olímpico sendo construído em Sochi. Enquanto Moscou e outras cidades sofrem com excesso de neve, balneário só tem neve nas montanhas.
Vista aérea mostra estádio olímpico sendo construído em Sochi. Enquanto Moscou e outras cidades sofrem com excesso de neve, balneário só tem neve nas montanhas. REUTERS/Nina Zotina/Files

A Rússia começou desde já a estocar centenas de milhares de metros cúbicos de neve para suprir as necessidades dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014, que acontecerão daqui a quase um ano em Sochi. O estoque é feito para evitar problemas por uma eventual falta de neve no próximo inverno.

Publicidade

“As obras necessárias para o estoque de 450 mil metros cúbicos de neve devem terminar até o dia 15 de abril, e exigem a mobilização de muitas pessoas e especialistas”, indicou, por comunicado, a estação de esportes de inverno Roza Khoutor, situada a 1.150 metros de altitude, em Sochi.

Mais de 200 profissionais e 24 máquinas trabalham para recolher a neve, gerada em um inverno particularmente rigoroso e longo no hemisfério norte, e armazená-la em reservatórios especiais. A estocagem de neve em Roza Khoutor, que vai receber as competições de esqui alpino e snowboard, atende a uma exigência do Comitê Olímpico Internacional (COI) e de federações internacionais de esportes de inverno.

A neve será guardada sob uma estrutura de madeira, com a grossura de 40 centímetros, suficiente para conservá-la até o inverno seguinte e utilizá-la caso as quedas naturais não sejam suficientes para preencher as pistas para os Jogos. O custo total das obras é estimado em 250 milhões de rublos (16.260 milhões de reais).

Sochi, que se encontra nas montanhas do Cáucaso, é uma estação balneária no Mar Negro conhecida pelas temperaturas amenas – o que causou críticas de ambientalistas quando a cidade foi escolhida para sediar as Olimpíadas de Inverno.
 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.