Acessar o conteúdo principal
Ciência e Tecnologia

Cientistas descobrem planetas semelhantes à Terra

Áudio 04:34
Reprodução artística do exoplaneta Kepler-62f orbitando em torno de sua estrela
Reprodução artística do exoplaneta Kepler-62f orbitando em torno de sua estrela Wikipedia

Com auxílio do telescópio norte-americano Kepler, astronautas encontraram dois novos planetas em um sistema estelar a 1,2 mil anos luz da terra (cerca de 9,5 trilhões de quilômetros). De acordo com o artigo que anunciou a descoberta, publicado pela revista Science na última quinta-feira, os dois corpos celestes, chamados de Kepler-62f e Kepler-62e são os mais parecidos com a Terra entre todos os astros conhecidos. Eles são, respectivamente, apenas 40% e 60% maiores do que a Terra, e transitam pela chamada "zona habitável" de uma estrela um pouco menor do que o sol. Nestas condições, eles poderiam abrigar vida. Conversamos com os pesquisadores Alex Cavalieri Carciofi, do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosférica da USP, e José Ramiro de la Reza, do Observatório Nacional, para saber o que significa esta descoberta e o quão perto estamos de encontrar extra-terrestres. Ouça!

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.