Acessar o conteúdo principal
Champanhe/França

Produção de champanhe aumenta 56% em 2013

Região de Champagne, no nordeste da França, é onde se produz o espumante francês mais apreciado no mundo.
Região de Champagne, no nordeste da França, é onde se produz o espumante francês mais apreciado no mundo. Wikimedia Commons

A produção de champanhe deve ter um aumento de 56% em relação a 2012, se a meteorologia dos dois próximos meses continuar favorável na França. No entanto, a alta na produção não deve influenciar na diminuição do preço da bebida ou no acréscimo de número de garrafas à venda. Os dados foram divulgados nesta terça-feira, dia 13 de agosto pelo ministério francês da Agricultura.

Publicidade

Os rendimentos da produção do tradicional champanhe francês ficaram aquém do esperado em 2012, mas a colheita de uva para a fabricação da bebida deve ficar 16% acima da média dos cinco últimos anos. A previsão é mais otimista que há um mês, já que a meteorologia de julho favoreceu uma boa produção da fruta em julho.

No entanto, o Comitê Interprofissional do Vinho de Champagne (CIVC) alerta que este aumento nem implica no acréscimo do número de garrafas à venda ou na diminuição no preço da bebida. A boa notícia para os fãs deste famoso espumante francês é a realização de uma reserva "que permite enriquecer o aroma dos vinhos”, além da possibilidade de armazená-los para casos de baixa na produção no futuro, explica o porta-voz do CICV, Thomas Le Mailloux.

O espumante da região francesa de Champagne é fabricado a partir da mistura de uvas de várias coletas e os produtores já fecharam um acordo para que a produção extra não seja engarrafada, mas que seja utilizada para integrar as reservas dos melhores anos para a fabricação da bebida. Entre as marcas mais célebres do espumante desta região nordeste da França, estão Dom Pérignon, Moët, Chandon, Veuve Clicquot, Laurent-Perrier e Vranken Pommery.

 

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.