Acessar o conteúdo principal
França/Moda

Vestido de Yves Saint Laurent é leiloado por 350 mil reais em Paris

Os organizadores levaram cinco semanas para fazer o inventário da coleção de vestidos de Danielle Luquet de Saint Germain.
Os organizadores levaram cinco semanas para fazer o inventário da coleção de vestidos de Danielle Luquet de Saint Germain. www.gros-delettrez.com

Um leilão com roupas criadas pelos grandes nomes da moda francesa chamou a atenção de colecionadores de várias partes do mundo nessa segunda-feira, 14 de outubro, em Paris. Alguns objetos da venda, que reunia peças de Yves Saint Laurent, Claude Montana, Azzedine Alaïa e Thierry Mugler, chegaram a ser arrematadas por mais de 350 mil reais.

Publicidade

O casa de leilões Drouot, em Paris, conhecida por suas vendas de antiguidades e um público de antiquários quase sempre distantes do mundo das passarelas, se tornou ponto de encontro dos amantes da moda vintage nessa segunda-feira. A responsável por essa proeza Danielle Luquet de Saint Germain, uma das musas, ex-modelo e cliente do costureiro Yves Saint-Laurent, que decidiu vender sua impressionante coleção de roupas composta principalmente por estilistas franceses.

Das mais de 12 mil peças reunidas durante uma vida inteira frequentando as grandes maisons parisienses, ela vendeu 300 lotes em um único dia. Um dos destaques foi um dos vestidos realizados pelo mestre francês em 1968, arrematado por 119 mil euros (cerca de 350 mil reais). O valor estimado era de menos de 15 mil euros.

Os primeiros vestidos de Danielle Luquet foram adquiridos graças a sua atuação durante dez anos como modelo “cabine” (que trabalha exclusivamente para a marca durante as provas, antes dos desfiles) nos ateliês de Saint Laurent, que a remunerava com suas criações. Ela afirma que durante esse período chegou a inspirar o costureiro na invenção de alguns modelos emblemáticos, como o smoking para mulheres, uma de suas marcas registradas, que transformou a história da moda feminina.

De modelo, Danielle Luquet virou musa, e depois cliente, graças ao marido, que sempre a presenteou com peças de grandes estilistas. Além de criações de Saint Laurent, vestidos de Claude Montana, Azzedine Alaïa, Christian Lacroix e Thierry Mugler também fazem parte da coleção colocada a venda em Paris. Segundo os organizadores do leilão, foram necessárias cinco semanas apenas para fazer o inventário das peças.

Colecionadores e representantes de museus de vários países assistiram a venda. Além das instituições parisienses (Galliera e Artes Decorativas), enviados especiais da América Latina, como o museu da moda do Chile, foram vistos na sala. Essa primeira etapa do leilão arrecadou mais de 700 mil euros (mais de 2 milhões de reais). Ainda não há data marcada para a venda do restante da coleção.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.