Acessar o conteúdo principal
EUA/Televisão

Como esperado, Breaking Bad é o grande vencedor do Emmy 2014

Da esquerda para a direita, Aaron Paul, Anna Gunn e Bryan Cranston, os atores premiados de "Breaking Bad"
Da esquerda para a direita, Aaron Paul, Anna Gunn e Bryan Cranston, os atores premiados de "Breaking Bad" REUTERS/Lucy Nicholson

O Oscar da televisão americana de 2014 trouxe poucas novidades. Os prêmios principais foram uma repetição do ano passado e o troféu de melhor comédia vai para a mesma série pelo quinto ano consecutivo: "Modern Family". "Breaking Bad" é bicampeã na categoria drama.

Publicidade

Cleide Klock, correspondente da RFI em Los Angeles

A série sobre o professor de química que se torna produtor de metanfetamina, ainda recebeu outros quatro prêmios: Bryan Cranston, que vive o protagonista Michael White, levou novamento o prêmio de melhor ator, assim como Anna Gunn (Skyler White) e Aaron Paul, como melhores coadjuvantes. "Breaking Bad" também ganhou pelo roteiro.

Melhor atriz em série dramática foi Julianna Margulies, que vive a advogada Alicia Florick, em "The good wife" ("Direito de recomeçar", no Brasil). O último episódio da série "Sherlock", inscrito na categoria "minissérie, telefilme ou especial dramático" levou três estatuetas.

Jim Parsons recebeu seu quarto Emmy de melhor ator de comédia, pelo papel na série "The Big Bang Theory". Um dos momentos mais engraçados da noite foi um beijo que Bryan Cranston deu na boca de Julia Louis-Dreyfus, numa paródia a uma cena que fizeram anteriormente em Seinfeld. O beijo aconteceu quando a atriz foi receber o terceiro Emmy pela atuação em "Veep".

A noite também foi marcada por uma homenagem a Robin Williams, que morreu há uma semana. O ator Billy Crystal conduziu o tributo e disse que "ele era incansável e do tipo que emociona. É muito difícil falar sobre ele no passado, porque estava em nosso presente há quase 40 anos".

Na cerimonia do Emmy do ano passado, Williams apresentou uma homenagem ao ator Jonathan Winters, que morreu aos 87 anos, em abril de 2013.
 

Newsletterselfpromo.newsletter.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.