Acessar o conteúdo principal
Linha Direta

Concurso de beleza infantil causa polêmica na Colômbia

Áudio 04:38
O Concurso infantil Miss Tanguita gera polêmica  na Colombia.
O Concurso infantil Miss Tanguita gera polêmica na Colombia. es-la.facebook.com

Um concurso infantil de beleza realizado na Colômbia está causando polêmica. No concurso, batizado de Miss Tanguita, meninas menores de idade desfilaram no último fim de semana em trajes de banho para um público em grande parte masculino e maior de idade. Um vídeo do evento publicado na internet causou aversão do país frente à exposição das crianças, fazendo a sociedade colombiana refletir sobre os concursos de beleza infantis frequentes no país.

Publicidade

De Mariana Clini Diana, correspondente da RFI em Bogotá

O Miss Tanguita é um concurso de beleza infantil onde participam meninas de 6 a 10 anos que desfilam em biquíni para a população do município de Barbosa, no departamento de Santander, região nordeste da Colômbia. O concurso faz parte de um festival chamado FestRío, considerado um evento importante na agenda anual de Barbosa, que a cada edição espera-se recebe mais de 50.000 pessoas. Entre as atividades são realizados shows, ações de preservação ambiental e o concurso de beleza, Miss Tanguita.

Porém a grande indignação desta edição foi a forma explícita em que as crianças desfilavam para um público maior de idade que consumia bebidas alcoólicas no momento. Outro fato que também está em discussão é a autorização e patrocínio do Festival pela prefeitura de Barbosa e de empresas privadas, entre elas uma marca de cerveja.

O evento é realizado há mais de 20 anos, mas foi através de um vídeo publicado na internet que a Colômbia tomou conhecimento do concurso, causando a aversão da população e chamando a atenção das autoridades.

Investigações

O Instituto Colombiano de Bem-Estar Familiar, ao tomar ciência do evento, disse que verificará se as crianças que participaram do concurso não correm mais nenhum outro risco adicional à exposição que foram submetidas.

Da mesma forma, a Procuradoria da Colômbia iniciou uma investigação para averiguar se houve violação do código colombiano da Infância e Adolescência. Os pais também serão investigados, pois permitiram a participação das crianças no evento.

Cristina Plazas, diretora do Bem-Estar Familiar, enfatizou que os pais e as mães são a primeira linha de defesa das crianças, e acrescentou que considera “irresponsável que a família tenha autorizado as meninas a participar de um evento onde iam desfilar em trajes de banho diante de um público maior e com o consumo de bebidas alcoólicas”.
A prefeita do município, Rocío Galeano, em declaração para a Radio W, assegurou que todas as atividades realizadas no município com crianças foram informadas ao Instituto colombiano de Bem-Estar familiar e que somente foi exigida a autorização dos pais para a participação no concurso.

A prefeita também se defendeu ao afirmar que o concurso apenas buscava promover “a defesa e o cuidado do corpo” e que não houve a intenção de estimular a exploração sexual das meninas.

Cultura e reflexão

Os concursos de miss fazem parte da cultura da Colômbia. Realizados em todas as partes do país, estes eventos também ocorrem em sua versão infantil, muitas vezes no ambiente escolar. Mesmo sendo habitual para os colombianos, o acontecimento em Barbosa colocou em discussão se estes concursos são saudáveis para a integridade física e emocional das crianças.

Para Carolina Piñeros, diretora da ONG de pais e mães Red Papaz, “qualquer criança que seja usada como objeto de desejo já é considerado na Colômbia como pornografia infantil”. Ela também acrescenta que, expor estas meninas em uma idade precoce faz com que elas sejam objeto de desejo, colocando-as em grande risco.

O Instituto Colombiano de Bem-Estar Familiar aponta que entre os anos de 2011 e 2013, houve ao redor de 2.000 casos reportados de exploração sexual comercial de crianças e adolescentes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.