Acessar o conteúdo principal
Fome/ Somália

10 crianças morrem por dia em campo de refugiados na Etiópia

Refugiados somalis chegam a campo de Kobe, na Etiópia.
Refugiados somalis chegam a campo de Kobe, na Etiópia. Reuters

Uma média de dez crianças com menos de cinco anos morrem por dia nos acampamentos de refugiados somais do Acnur (Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados), na Etiópia. No acampamento de Kobe - um dos quatro centros de amparada do "complexo Dolo Ado", no sul da Etiópia -, "as taxas de mortos estão alcançando níveis alarmantes", afirmou hoje o porta-voz do Acnur, Adrian Edwards.

Publicidade

Ao todo, 120 mil pessoas vivem no local, onde "um possível surto de rubéola, unido às altas taxas de desnutrição severa, parecem ser as principais causas das mortes". Segundo ele, foram confirmados 148 casos de rubéola e 11 mortes pela doença. O porta-voz informou que um plano de vacinação em todos os campos será iniciado imediatamente e visará os menores de 15 anos.

Enquanto isso, a 250 quilômetros ao norte de Dolo Ado, o êxodo de somalis que fogem da seca e da guerra continua constante, com a chegada de 17,5 mil novas pessoas nas últimas seis semanas às regiões etíopes de Gode e Afder. A Acnur diz que 95% deles são mulheres e crianças pequenas originárias do meio rural, "a maioria em situação nutricional e de saúde precária", de acordo com Edwards.

A agência da ONU descreve a situação como "desesperadora" e fez um novo apelo por ajuda humanitária para atenuar o drama. A entidade e o governo etíope participam com o envio de porções de comida para alimentar as pessoas durante um mês, mas advertem que as condições de alojamento e de assistência sanitária são igualmente dramáticas.

"A falta de refúgio e de ajuda sanitária, a pouca higiene e a superlotação poderiam gerar diarréias severas e sarampo", ressaltou o porta-voz.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.