Acessar o conteúdo principal
Fato em Foco

"Mandela Day" celebra legado político e 95 anos de líder sul-africano

Áudio 05:23
Cartaz oficial da 4ª edição do evento internacional "Mandela Day" celebrado essa quinta-feira.
Cartaz oficial da 4ª edição do evento internacional "Mandela Day" celebrado essa quinta-feira. mandeladay.com

Há quatro anos, as Nações Unidas, transformaram o aniversário do herói nacional sul-africano no Mandela Day. A data comemorada no 18 de julho em diversos países pretende estimular ações solidárias e homenagear o legado do defensor dos direitos humanos, que é o símbolo da luta contra o Apartheid. A ideia é doar simbolicamente 67 minutos de seu tempo para realizar algo em prol do outro, em referência aos 67 anos que o prêmio Nobel da Paz, advogado e líder negro dedicou à luta pela igualdade.

Publicidade

Nelson Mandela esteve preso por 27 anos, quatro anos depois de ser libertado se tornou o presidente da África do Sul nos anos 90, esta quinta-feira ele completa 95 anos e segue internado em estado crítico para se recuperar de uma infecção pulmonar. Sello Hatang, porta-voz do Centro de Memória Nelson Mandela e da Fundação Nelson Mandela, em Johannesburg, fala em entrevista à RFI sobre a mensagem política por trás da data comemorativa.

 Para escutar a reportagem completa, clique em “ouvir,” acima.

  

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.