Acessar o conteúdo principal
Rússia/Tecnologia

Empresa lança Yotaphone, primeiro smartphone made in Rússia

O Yotaphone, primeiro telefone da empresa russa Yota Devices
O Yotaphone, primeiro telefone da empresa russa Yota Devices Divulgação

O fabricante russo Yota anunciou hoje o lançamento do primeiro smartphone totalmente made in Rússia. O YotaPhone, que utiliza o sistema Android, vai custar 499 euros e será vendido inicialmente na Alemanha, além da França, Espanha e Áustria, onde ele poderá sera adquirido pela Internet.

Publicidade

De acordo com o diretor-geral da Yota Devices, Vlad Martynov, a ambição do novo aparelho é “repensar nossa relação com o smartphone.”

Um dos pontos fortes do Yotaphone, segundo ele, é uma tela suplementar, que utiliza a tecnologia do e-book Kindle, da Amazon. Esta tela extra consome pouca bateria, mesmo quando o celular está em espera.

Ela pode ser usada para organizar a agenda, mensagens ou informações de redes sociais sem precisar desbloquear o telefone.

De acordo com o diretor, os usuários de smartphones ativam o aparelho cerca de 150 vezes por dia, um gesto que consome não só energia mas também atenção.

O YotaPhone, de concepção russa, mas montado na China, também estará disponível em outros cinco países da Europa e do Oriente Médio, e no primeiro trimestre chega a outros nove países, entre eles a Suíça e o Egito.

Por enquanto, não há previsão de lançamento nos Estados Unidos e na Ásia.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.