link.skip.main
África do Sul/Mandela

Falso intérprete do funeral de Mandela estaria em hospital psiquiátrico

Captura vídeo, do presidente americano, Barack Obama, que discursa ao lado do falso intérprete, durante a cerimônia de homenagem ao líder Nelson Mandela, no estádio Soccer City, em Joanesburgo, em 10 de dezembro de 2013
Captura vídeo, do presidente americano, Barack Obama, que discursa ao lado do falso intérprete, durante a cerimônia de homenagem ao líder Nelson Mandela, no estádio Soccer City, em Joanesburgo, em 10 de dezembro de 2013

O falso interpréte da linguagem dos sinais, que participou da cerimônia em homenagem à Nelson Mandela, teria sido internado em um hospital psiquiátrico, segundo a imprensa sul-americana. Interrogado pelas autoridades, ele disse que sofreu um episódio de esquizofrenia.  

block-ad.label

O falso interpréte Thamsanqa Jantjie conseguiu driblar a segurança e a organização de um funeral que contou com a presença de mais de dez chefes de estado. Ele fez  traduções desconexas do discurso de diversas autoridades, entre eles o presidente americano Barack Obama.

Segundo o jornal sul-africano The Star, a esposa de Thamsanqa, Siziwe Jantjie, o levou para fazer um check-up em um hospital perto de Johanesburgo na última quinta-feira, e deverá ser admitido imediatamente.

O check up deveria ter ocorrido no dia 10 de dezembro, mas ele cancelou o encontro depois de ser contratado para fazer a tradução na linguagem dos sinais no funeral de Nelson Mandela.

Falso intérprete alega ataque de esquizofrenia

Ele afirmou ter as qualificações requeridas para o trabalho, mas teve um ataque no dia da homenagem, dizendo “ter ouvido anjos e vozes”, o que prejudicou sua concentração.

Segundo a Imprensa local, o falso intérprete tem antecedentes criminais, e esteve envolvido em um linchamento.

O governo sul-africano admitiu o erro, e se desculpou junto à comunidade internacional pelas “possíveis ofensas” do falso intérprete.

REUTERS/SABC via Reuters TV

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.