Acessar o conteúdo principal
Israel/Governo

Netanyahu inicia novo governo em Israel sob pressão internacional

O premiê Benyamin Netanyahu tomou posse à frente do novo governo de coalizão nesta quinta-feira (14), em Israel.
O premiê Benyamin Netanyahu tomou posse à frente do novo governo de coalizão nesta quinta-feira (14), em Israel. REUETRS/Jim Hollander

Seis meses depois da convocação de novas eleições em Israel, um novo governo sob liderança do primeiro-ministro reeleito Benjamin Netanyahu tomou posse nesta quinta-feira (14) no Parlamento israelense (Knesset). A posse marca o fim do governo interino e o começo da pressão internacional sobre a nova coalizão de Netanyahu, formada apenas por partidos de direita e extrema-direita, contrários à criação de um Estado palestino – o que está sendo questionado na comunidade internacional.  

Publicidade

Daniela Kresch, correspondente da RFI em Tel Aviv

O líder do Likud obteve a confiança do Parlamento para seu quarto mandato por uma margem apertada de votos: 61 parlamentares votaram a favor, 59 contra.

A pressão sobre o novo governo de Israel já começou com o reconhecimento oficial da Palestina pelo Vaticano, num passo simbólico anunciado na quarta-feira e que será oficializado amanhã. A decisão está sendo comemorada pelos palestinos e criticada por Israel.

Neste sábado, o Papa Francisco receberá, no Vaticano, o presidente de Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, para firmar um novo tratado no qual a Santa Sé chama a Palestina de “Estado”, assim como já fazem mais de 120 países e a ONU.

A visita faz parte do processo de canonização de duas freiras nascidas na Terra Santa no século XIX, antes da criação do Estado de Israel, há exatos 67 anos.

A pressão sobre Israel aumentará com a visita ao país, na semana que vem, de Federica Mogherini, a Alta Representante da União Europeia para política externa. Mogherini já deu sinais de que deseja conversar com o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu sobre o futuro das negociações de paz com os palestinos.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.