Acessar o conteúdo principal
Oriente Médio

Palestinos se revoltam com vídeo de soldados de Israel infiltrados entre manifestantes

Agentes de Israel infiltrados entre manifestantes palestinos foram flagrados atiçando a violência na localidade de Beit El, na Cisjordânia.
Agentes de Israel infiltrados entre manifestantes palestinos foram flagrados atiçando a violência na localidade de Beit El, na Cisjordânia. AFP PHOTO / ABBAS MOMANI

Os incidentes de violência entre israelenses e palestinos se intensificam nos territórios ocupados. Nesta quarta-feira (8), mais um israelense, um judeu ortodoxo de 25 anos, foi esfaqueado em Jerusalém. Um vídeo que circula desde ontem na internet mostrando a ação de soldados árabes israelenses infiltrados entre manifestantes palestinos causaram revolta.

Publicidade

A polícia de Israel informou ter detido o responsável pelo ataque, que seria um adolescente palestino de 15 anos. A vítima ferida no pescoço encontra-se em estado grave. O porta-voz da polícia de Israel, Micky Rosenfeld, afirma que o agressor é um morador do campo de refugiados de Chouafat, localizado em Jerusalém Oriental. O jovem teria fugido logo após atacar o judeu ortodoxo em uma avenida que separa um bairro habitado por judeus ortodoxos de um outro bairro onde moram árabes.

A hostilidade também é sentida no plano político. Hoje, deputados árabes decidiram desacatar uma ordem do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, que proibiu que qualquer parlamentar, árabe ou judeu, visite a Esplanada das Mesquitas, palco de confrontos há várias semanas em Jerusalém Oriental. Ontem, os confrontos chegaram ao centro de Israel.

Na Cisjordânia, imagens da imprensa mostrando a ação de soldados árabes israelenses infiltrados entre manifestantes palestinos causaram revolta. Com os rostos cobertos, eles atiçam os atiradores de pedras e, depois de flagrados, disparam pistolas automáticas contra a multidão, ferindo três pessoas. Uma delas está estado grave. As imagens também mostram vários soldados espancando palestinos caídos.

Diante da multiplicação dos incidentes, Netanyahu cancelou uma visita que faria à Alemanha.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.