Acessar o conteúdo principal
Zika vírus

Zika é relacionado à infecção cerebral que pode levar ao coma

Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o zika provoca, na maioria dos casos, sintomas gripais como febre e dor no corpo.
Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o zika provoca, na maioria dos casos, sintomas gripais como febre e dor no corpo. Alvin Baez/Reuters

O zika vírus, acusado de estar relacionado à microcefalia em bebês, problemas na medula espinhal e à síndrome neurológica de Guillain-Barré, também pode provocar uma grave infecção do cérebro em adultos, podendo levar ao coma. O novo alerta, feito por médicos franceses, foi publicado em uma revista científica nesta quinta-feira (10).

Publicidade

Uma equipe médica do hospital Henri-Mondor, na região parisiense, constatou a presença do zika vírus no líquido cefalorraquidiano de um homem de 81 anos. Ele foi diagnosticado com uma meningoencefalite, uma perigosa inflamação do cérebro e das meninges, membranas que revestem e protegem o sistema nervoso central, a medula espinhal, o tronco encefálico e o encéfalo.

A revista médica norte-americana New England Journal of Medicine (NEJM) relata que o homem, hospitalizado no dia 10 de janeiro, foi transferido na manhã seguinte para a UTI do hospital devido a uma rápida piora de seu estado. De acordo com os médicos, o paciente entrou em coma e precisou de uma assistência respiratória artificial.

Segundo os familiares do doente, ele estava "em perfeita saúde" antes de receber o diagnóstico de meningoencefalite. Dez dias antes, ele havia feito um cruzeiro pelas ilhas do sul do Oceano Pacífico.

Paralisia muscular

Com febre e em coma, o paciente apresentou uma paralisia do lado esquerdo do corpo e um comprometimento motor do braço direito, observaram os médicos. Exames comprovaram que o homem teve meningoencefalite.

Os médicos procuraram uma variedade de bactérias e vírus que poderiam estar envolvidos, como o vírus da dengue e chikungunya. Um teste, conhecido como amplificação genética, detectou o material genético do zika no líquido recolhido por punção lombar, no momento da chegada na UTI.

Os médicos tiveram a confirmação que se tratava de um paciente infectado com zika quando o vírus "vivo" foi detectado em laboratório na amostra deste líquido, afirmou Guillaume Carteaux, co-autor do relatório publicado no NEJM.

Primeiro caso de infecção cerebral relacionada ao zika

"Este é o primeiro caso deste tipo de que temos conhecimento", disse Carteaux. "As outras causas infecciosas, virais e bacterianas, foram descartadas", explicou, citando em especial o vírus da herpes e da catapora.

O novo estudo mostra que é grande a probabilidade do zika vírus atingir seriamente o sistema nervoso. Desde o início da epidemia, autoridades relativizavam o perigo da doença.

1,5 milhão de pessoas contaminadas pelo zika no Brasil

O Brasil é o país que enfrenta a pior epidemia de zika, com cerca de 1,5 milhão de pessoas atingidas pela doença. Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o zika provoca, na maioria dos casos, sintomas gripais, como febre e dor no corpo. Nas últimas semanas, especialistas vêm relacionando a doença à síndromes neurológicas, como a Guillain-Barré e a mielite.

Até hoje, um estudo científico mostrou a relação entre o zika e a microcefalia em bebês, mas as autoridades sanitárias ainda não oficializaram a informação.

Um total de 745 casos confirmados de microcefalia e 157 mortes associadas a esta mal formação foram registrados no Brasil desde o início do surto de zika em outubro passado - segundo números oficiais.

O boletim semanal do Ministério da Saúde, divulgado quarta-feira (9), revelou que o número de pacientes subiu 16,2% em apenas uma semana e o de bebês mortos em 12,9% no mesmo período.

As autoridades ainda estão analisando 4.231 casos suspeitos e descartaram outros 1.182.

(Com informações da AFP)

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.