Acessar o conteúdo principal

Oposição protesta em Moscou contra ‘repressão política’

Protestos reuniram milhares em Moscou, 31 de agosto de 2019.
Protestos reuniram milhares em Moscou, 31 de agosto de 2019. REUTERS/Tatyana Makeyeva

Uma nova manifestação aconteceu no centro de Moscou neste sábado (31). A oposição liberal convocou os moscovitas para protestar "contra a repressão política". Este dia de mobilização é a mais nova ação de um movimento de protesto nascido em julho, quando os candidatos da oposição foram proibidos de se candidatarem às eleições no Parlamento de Moscou.

Publicidade

Étienne Bouche, correspondente da RFI em Moscou

Manifestações vêm sendo realizadas quase todo fim de semana em Moscou. A desse sábado não foi autorizada pelo município, mas não teve incidentes, diferentemente da anterior, durante a qual muitos participantes foram presos. Mesmo se a participação foi modesta, a mobilização continua.

Enquanto desfilavam pelas avenidas da cidade, apesar da proibição, os manifestantes não protestaram apenas contra a ausência de candidatos da oposição na eleição de 8 de setembro.

Para Elena, 59, foi a gota d’água: "O que está acontecendo no país é um grande absurdo. Não há tribunais dignos desse nome, nenhum advogado, pessoas não estão protegidas, nos insultam permanentemente, e é a mesma coisa com as eleições, nós não podemos escolher. Isso é terrível: nada depende de nós", diz.

Conscientização

Ruslan, 25 anos, nunca se interessou muito por política, mas acredita que não é mais possível ficar longe dela. Ele não tem ilusões de que o protesto influenciará o poder, mas acredita que deve aumentar a conscientização da população. "Quando as pessoas entenderem que temos que descer às ruas, mudar o curso das coisas em nosso país, mudar os líderes, a situação vai acabar", diz ele. Mas, no momento, estamos apenas no começo".

A maioria dos líderes da oposição experimentou curtos períodos de prisão, o que não interrompeu a mobilização. A organização do principal opositor de Putin, Alexei Navalny, o Fundo Anticorrupção, está sendo investigada por "lavagem de dinheiro".

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.