Acesso ao principal conteúdo

Senegal celebra 60.º aniversário de sua independência

Dacar, 25 de Março 2020.
Dacar, 25 de Março 2020. REUTERS/Zohra Bensemra

O Senegal celebra 60 anos da sua independência, um aniversário perturbado pela COVID-19. Esta manhã, as autoridades militares foram as únicas a participar numa celebração simbólica.

Publicidade

O desfile militar foi anulado por medidas de segurança para fazer face à pandemia do novo coronavírus. O Covid-19 fez mais uma vítima mortal na noite de sexta-feira, 3 de Abril, elevando para dois o número de mortes no Senegal.

É pela primeira vez que Senegal celebra o aniversário da independência sem desfile militar. O momento é de concórdia nacional para lutar contra o Covid-19, sublinhou o Presidente senegalês, Macky Sall.

"Todos os sectores económicos foram atingidos pela pandemia. Esta terrível doença atingiu gravemente a nossa economia" afirmou o chefe de Estado senegalês.

No seu discurso Macky Sall, anunciou medidas financeiras para combater o novo coronavírus. 

A situação é grava-se a cada dia que passa, médicos e enfermeiros estão esgotados e têm pouco para oferecer aos pacientes.

"É tempo de trabalhar de mãos dadas para o bem-estar do nosso continente", lembrou o Presidente senegalês, Macky Sall.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.