Acesso ao principal conteúdo
Semana em África

Deputado do APU-PDGB agredido por homens encapuzados

Áudio 08:24
Bissau, capital guineense. Imagem de Ilustração.
Bissau, capital guineense. Imagem de Ilustração. © AFP - EMILIE IOB

O deputado e líder da bancada parlamentar da Assembleia do Povo Unido - Partido Democrático da Guiné-Bissau ( APU-PDGB), Marciano Indi, foi esta sexta-feira levado para o ministério do Interior por cinco homens encapuzados que o terão agredido.  Marciano Indi é conhecido pela sua posição crítica ao actual poder na Guiné-Bissau.

Publicidade

A notícia foi confirmada à RFI por Baptista Tê, um dos vice presidentes do APU-PDGB.

O incidente acontece um dia depois de os partidos políticos com assento parlamentar terem iniciado discussões para resolver a crise política que se arrasta desde as contestadas eleições presidenciais de Dezembro do ano passado.

Esta semana, a França aprovou um projecto de lei que ratifica o fim do franco CFA, que passa a chamar-se Eco. O economista guineense Carlos Lopes não acredita “que o ECO possa entrar em funcionamento este ano”.

A Comunidade para o desenvolvimento da África austral, reuniu a respectiva troika de política, defesa e segurança em Harare, no Zimbabué, na terça-feira. O bloco regional comprometeu-se em apoiar Moçambique no combate a grupos armados em Cabo Delgado. Para o chefe de Estado moçambicano Filipe Nyusi é importante que a SADC compreenda o "modus operandi" dos grupos armados a operar naquela província nortenha.

O Ministro da Economia e Finanças de Moçambique anunciou esta sexta-feira que a redução da tarifa da energia eléctrica até 10%. A redução vai abranger a todos os consumidores e entra em vigor de 1 de Junho a 31 de Dezembro.

A Procuradora Geral da República de Moçambique, Beatriy Buchili,  acusa as autoridades norte-americanas de estarem a prejudicar a celeridade do processo judicial relativo às dívidas ocultas  por insistirem no pedido de extradição do antigo Ministro das Finanças para os Estados Unidos da América. 

A Assembleia Nacional angolana aprovou esta sexta-feira por unanimidade a lei de protecção civil  para que as medidas tomadas pelo Presidente não ponham em causa “direitos, liberdade s e garantias dos cidadãos. 

O secretário provincial do Namibe do Sindicato de Jornalistas Angolano, Armando Chicoca, foi constituído arguido por indícios de violação dos limites ao exercício da liberdade de imprensa. Teixeira Cândido, presidente do Sindicato de Jornalista Angolanos, fala num processo “intimidatório”.

São Tomé e Príncipe abriu esta semana um hospital de campanha no Centro de estágios da Federação são-tomense de futebol para lutar contra a pandemia de Covid-19. O hospital tem a capacidade para receber 50 doentes.

Cabo Verde vai manter a presidência da CPLP, Comunidade dos países de língua portuguesa, até 2021 por Angola não poder acolher a cimeira do bloco, prevista para Setembro em Luanda, devido à pandemia de Covid-19 garante o ministro dos negócios estrangeiros, Luís Filipe Tavares.

 

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.